Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

30/06/2004 14:30

Órgãos de defesa do consumidor terão sistema unificado

Paula Mesquita / ABr

A primeira etapa do Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec) foi lançada hoje pelo ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos. Ele se reuniu com o secretário de Direito Econômico, Daniel Goldberg, com o diretor do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, Ricardo Morishita, e com dirigentes de seis Procons estaduais e um municipal.

O Sindec vai integrar, em rede, as bases de dados usadas pelos órgãos de defesa do consumidor do país. Cada Procon vai ter acesso a dados sistematizados, não apenas do programa. Os levantamentos serão feitos com base em perfis do consumidor como, por exemplo, os tipos de atendimento mais utilizados, as empresas mais reclamadas, os tipos de demanda. A expectativa é de que até o fim do primeiro semestre de 2005 todos esses dados também estejam disponíveis pela internet.

Segundo Ricardo Morishita, o Sindec tem o objetivo também de criar “a memória da história da defesa do consumidor”. Para ele, é importante criar mais oportunidades de preservar o cidadão.

Participam dessa primeira fase de instalação os órgãos de defesa do consumidor dos estados do Acre, Pará, Bahia, Espírito santo, Santa Catarina e Minas Gerais. O único Procon municipal a participar dessa etapa é o de Belo Horizonte.

O secretário municipal dos Direitos de Cidadania de Belo Horizonte, Antônio Davi de Souza Júnior, disse que o sistema vem fortalecer as instituições e a cidadania. Segundo Davi de Souza, o Sindec vai beneficiar não só os Procons, mas também o consumidor que “terá uma resposta mais rápida das suas demandas”.

O ministro da Justiça comentou, ao final da cerimônia, a regulamentação do Estatuto do Desarmamento. Informou que o estatuto segue para a Casa Civil e deve ser assinado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva ainda nesta semana.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)