Cassilândia, Quarta-feira, 22 de Fevereiro de 2017

Últimas Notícias

29/06/2005 15:50

Oposição repudia urgência para CPI da Compra de Votos

Agência Câmara

A oposição e os governistas trocam acusações em plenário por causa da tentativa do governo de criar, na sessão extraordinária que ocorre neste momento, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Compra de Votos. A comissão proposta pelo líder do PL, deputado Sandro Mabel (GO), tem como objetivo investigar as denúncias de pagamento de "mensalão" a parlamentares do PL e do PP em troca de apoio ao governo, além das suspeitas de compra de votos para que a emenda da reeleição fosse aprovada em 1997.
Logo depois da retirada de pauta da Medida Provisória 249/05 (em virtude da edição da MP 254/05, também sobre a Timemania), os governistas apresentaram um pedido de urgência para criar a CPI, o que revoltou a oposição.

Fim da sessão
Os oposicionistas reagiram pedindo o fim da sessão extraordinária, porque ela havia sido iniciada com pauta definida - justamente a MP 249/05, que acabou sendo retirada. "É um desrespeito ao Regimento da Casa", definiu o líder do PFL, Rodrigo Maia (RJ), ao saber que o presidente da Câmara, Severino Cavalcanti, determinou a votação do pedido de urgência para a CPI. Severino pediu ordem aos deputados.
Na avaliação dos oposicionistas, a CPI da Câmara sobre a compra de votos seria uma estratégia para "abafar" a CPMI dos Correios, que já está em andamento no Congresso.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 22 de Fevereiro de 2017
Terça, 21 de Fevereiro de 2017
10:00
Receita do dia
Segunda, 20 de Fevereiro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)