Cassilândia, Terça-feira, 21 de Fevereiro de 2017

Últimas Notícias

27/08/2014 10:14

Operário desaparecido há 24 dias após deixar obra é visto no interior

Campo Grande News

Desaparecido desde a madrugada do dia 3 de agosto, enquanto deixava o alojamento da obra de pavimentação asfáltica onde trabalhava na rodovia MS-040, em Campo Grande, o auxiliar de serviços gerais Jeferson Marques de Oliveira, 27 anos, foi visto pela última vez em Bandeirantes, a cerca de 70 quilômetros da Capital.

Na terça-feira da semana passada o rapaz foi identificado por moradores daquele município que o reconheceram por meio de anúncios feitos em jornais e na TV, e acionaram familiares. Representantes da empresa RMW Empreendimentos, onde ele trabalhava, foram com a irmã do rapaz até o local apontado, em busca de pistas que pudessem levar ao paradeiro.

Apesar dos esforços, Jeferson não foi encontrado, explica Adriana Laura, assistente administrativa da RMW e que acompanha o caso de perto. Ela conta que várias pessoas disseram ter visto o auxiliar de serviços gerais transitando pela região, mas ninguém soube dizer com precisão onde ele estava.

A dona de um bar afirmou que Jeferson teria comparecido ao estabelecimento para comprar bebida. “Ele deve ter conseguido o dinheiro realizando alguns serviços de manutenção”, disse Adriana, reforçando que a empresa não tem medido esforços na busca pelo operário. “A gente espera encontrá-lo bem”, completou. O caso já foi comunicado às autoridades.

Sumiço - Jeferson trabalhava em uma obra de pavimentação da RWM na MS-040, saída de Campo Grande para Três Lagoas. O último a vê-lo foi o encarregado Natanael da Silva Rodrigues. Natanael relatou que estava com os trabalhadores no alojamento a cerca de 100 quilômetros da Capital, quando notou que Jeferson se levantou e saiu, durante a madrugada.

Todos imaginavam que ele iria beber água ou ir ao banheiro, como de costume, no entanto, o rapaz não voltou. Colegas disseram que o operário seguiu a pé, possivelmente no sentido de Três Lagoas, usando uma calça e uma camisa azul. Pela manhã foram feitas buscas nas proximidades, mas ninguém foi encontrado. Informações a respeito do paradeiro podem ser repassadas a Natanael, por meio do telefone (67) 3042-7980 ou 3042-7981, ou de Orlando Alexandre do Amaral, o padrasto dele, pelo (67) 9149-8032.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 21 de Fevereiro de 2017
Segunda, 20 de Fevereiro de 2017
Domingo, 19 de Fevereiro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)