Cassilândia, Domingo, 28 de Fevereiro de 2021

Últimas Notícias

04/04/2017 09:47

Operação Toque de Midas na fronteira tem a participação do GECO

Waléria Leite, MP/MS
Foto: Divulgação MP/MSFoto: Divulgação MP/MS

 

Força Tarefa composta pelO Grupo Especial de Combate a Corrupção - GECOC (MPMS) Polícia Federal (PF), Ministério Público Federal (MPF) e Controladoria Geral da União (CGU) deflagrou hoje 04/04 (terça-feira) a Operação TOQUE DE MIDAS, com o objetivo de combater uma Organização Criminosa especializada em desviar recursos públicos e fraudar licitações, com a conivência e participação de servidores públicos, no município de Paranhos/MS.

As investigações apontam montagem e manipulação de documentação em certames públicos e a prática de sobrepreço, com severos prejuízos ao Erário e afronta aos princípios da Administração Pública. Para a prática criminosa, foram utilizadas certidões e assinaturas falsas com a manipulação de informações em procedimentos licitatórios para aquisições oriundas de recursos do PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar) e contrapartida municipal. Estima-se prejuízo de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais).

Estão sendo cumpridos nove (9) mandados de busca e apreensão, um (1) mandado de condução coercitiva e o sequestro de valores, nas contas bancárias de três (3) empresas, de aproximadamente R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais). Os mandados foram expedidos pelas Justiças Federal e Estadual do MS. Participam da Operação TOQUE DE MIDAS 50 (cinquenta) Policiais Federais e servidores da CGU.

A Operação foi batizada de TOQUE DE MIDAS, uma vez que se trata de uma expressão oriunda de um mito grego a qual expressa que o enriquecimento fácil pode se voltar contra o beneficiado, como castigo por sua ganância.

Waléria Leite – Informações Assessoria de Comunicação – PF

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 28 de Fevereiro de 2021
Sábado, 27 de Fevereiro de 2021
Sexta, 26 de Fevereiro de 2021
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)