Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

09/06/2007 08:06

Operação retira 800 invasores de terra indígena

Luana Lourenço/ABr

Brasília - Uma operação conjunta entre a Polícia Federal, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e a Fundação Nacional do Índio (Funai) retirou mais de 800 invasores da maior terra indígena de Rondônia. A reserva Uru Eu Wau Wau tem 1,8 milhão de hectares e está localizada no município de Seringueiras, no oeste do estado, a 600 quilômetros da capital PortoVelho.

De acordo com a assessoria de comunicação do governo de Rondônia, a terra invadida havia sido dividida em lotes e era vendida irregularmente a pequenos produtores rurais. Os lotes ocupados tinham em média 2 a 3 hectares e eram comercializados por grileiros da região. As famílias que ocupavam a área faziam derrubadas na mata para construção de casas e cultivo de alimentos.

Ainda de acordo com a assessoria do governo, a investigação da Polícia Federal começou há seis meses, a partir de denúncia feita por agentes da Funai sobre a ocupação irregular das terras indígenas. A retirada dos invasores contou com apoio logístico da Polícia Militar do estado, que cedeu viaturas e pessoal para guiar os agentes até o local da invasão.

Os 800 invasores foram levados para instalações da Funai, da Polícia Militar e para um ginásio de esportes do município de Seringueiras. Eles serão processados por crime ambiental.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)