Cassilândia, Sábado, 24 de Junho de 2017

Últimas Notícias

30/05/2013 08:40

Operação para retirar índios de fazenda tem Policia Federal, PM e bombeiros

Viviane Oliveira, Campo Grande News

Uma operação com homens da Polícia Federal, PM e do Corpo de Bombeiros foi montada em Sidrolândia para a reintegração de posse da fazenda Buriti. Nesta manhã, cerca de 20 viaturas estão na área para cumprir determinação da Justiça.

Ontem, em audiência para conciliação entre grupo terena e o fazendeiro Ricardo Bacha, não houve acordo e a ordem foi para o despejo dos índios.

O comboio policial saiu de Campo Grande por volta das 5 horas desta quinta-feira e negocia agora a retirada das famílias. A disposição, segundo o terena Vinícius Souza, é para resistir. “Os guerrreiros já disseram que não saem nem a pau”, conta.

A retirada deve ser feita por homens do Cigcoe (Companhia Independente de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais), grupo especial da Polícia Militar, como em todas as reintegrações feitas recentemente no Estado.

O ex-deputado Ricardo Bacha garante que só ficou sabendo da operação há pouco é “Espero que eles saiam em paz, que não haja reação, porque estão cumprindo a Lei do País. Aquela terra não é indígena, não discuto a legitimidade da reivindicação dos indígenas e nós produtores juntos aos políticos podemos pressionar Brasília pra comprar terras para eles.

Ele voltou a dizer que espera do governo federal uma decisão definitiva para a questão. “Se no passado os indígenas foram ludibriados tenho absoluta certeza de que não foi por nós e sim pelo governo então cabe ao governo resolver”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 24 de Junho de 2017
Sexta, 23 de Junho de 2017
Quinta, 22 de Junho de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)