Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

03/07/2015 13:52

Operação para desarticular o PCC acontece em seis cidades de MS

Aline dos Santos, Campo Grande News

Operação para desarticular o PCC (Primeiro Comando da Capital), facção criminosa que atua no sistema penitenciário do Estado, é realizada nesta sexta-feira em Campo Grande, Dourados, Três Lagoas, Aquidauana, Brasilândia e Rio Verde de Mato Grosso.

Batizada de “Livro Negro”, a operação cumpre sete mandados de busca e apreensão em residências e realiza nove vistorias em celas de presídios estaduais ocupadas por integrantes da facção.

A ofensiva contra o crime é resultado de cinco meses de investigação realizada em conjunto pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) e a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), com o apoio da PM (Polícia Militar).

Foram apurados crimes de participação em organização criminosa, tráfico de drogas e associação, roubos e furtos. Os delitos foram praticados por internos e egressos do sistema penitenciário.

O nome da operação é em alusão aos integrantes que, por estar em débito, foram punidos ou excluídos da organização criminosa.

Participam da ação três promotores, servidores da Agepen e 90 policiais do BP Choque, Bope (Batalhão de Operações Especiais), Gaeco e unidades policiais do interior do Estado.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)