Cassilândia, Terça-feira, 23 de Janeiro de 2018

Últimas Notícias

28/05/2007 16:25

Operação Ouro Negro já prendeu 22 no Paraná e MS

Lúcia Nórcio/ABr

Curitiba - A Operação Ouro Negro, desencadeada na manhã de hoje (28) no Paraná e Mato Grosso do Sul, prendeu até o momento 22 pessoas acusadas de contrabando na região do Lago de Itaipu. Dentre os presos estão dois policiais civis e dois militares - um deles já exonerado. De acordo com a Comunicação Social da PF em Foz Iguaçu, ainda faltam cumprir sete mandados de prisão. Todos os 43 mandados de busca e apreensão já foram cumpridos.

Os 157 policias federais e civis que trabalham na operação apreenderam carros, motos, armas, documentos, dinheiro, cheques e mercadorias.

A Polícia Federal explicou que a princípio acreditava-se que a quadrilha era especializada no contrabando de pneus, motivo pelo qual denominou-se a operação de Ouro Negro. Posteriormente, detectou-se que eles variavam o produto, contrabandeado de acordo com o mercado e facilidade de escoamento.

Segundo a PF, as investigações começaram em outubro de 2005 e já resultaram na apreensão de cerca de R$ 2,3 milhões em mercadorias. A quadrilha, segundo a PF, comprava grande quantidade de mercadorias no Paraguai e distribuía no Brasil. O fornecedor paraguaio era responsável pela colocação do produto em local pré-determinado na margem paraguaia do Lago de Itaipu, por onde a grande maioria das mercadorias atravessava para o Brasil. Os presos foram localizados nos municípios de Toledo e Cascavel, às margens do Lago de Itaipu.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 23 de Janeiro de 2018
Segunda, 22 de Janeiro de 2018
15:44
Chapadão do Sul
14:01
Aparecida do Taboado
10:00
Receita do dia
Domingo, 21 de Janeiro de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)