Cassilândia, Quinta-feira, 13 de Agosto de 2020

Últimas Notícias

11/07/2020 14:00

Operação fecha área de extração ilegal de ouro em distrito de Peixoto de Azevedo

Foram apreendidos maquinários utilizados na atividade garimpeira, que totalizam mais de R$ 1 milhão

Governo de MT
Foto: SimgCredFoto: SimgCred

A Operação Ouro Maculado, realizada em conjunto pela Polícia Civil de Peixoto de Azevedo (691 km ao norte de Cuiabá), Ministério Público Estadual, Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Politec, aprendeu nesta quinta-feira (09.07) diversos maquinários, armas de fogo e munições utilizados em uma área de garimpo ilegal de ouro, no distrito de União do Norte. Uma pessoa que estava no local foi detida por posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. Os bens apreendidos totalizam mais de R$ 1 milhão.

A operação é resultado de denúncias recebidas pela Polícia Civil e Ministério Público Estadual sobre a atividade ilegal que estava em funcionamento nos locais conhecidos como Travessão 1 e 3, a aproximadamente 70 quilômetros da cidade. Policiais civis da Delegacia de Peixoto de Azevedo, o promotor do município e equipes da Sema e Perícia Técnica foram ao distrito na manhã de quinta-feira onde flagraram máquinas retroescavadeiras e motores em atividade.

De acordo com o delegado de Peixoto de Azevedo, José Getúlio Daniel, o local apresenta uma extensa área com degradação ambiental provocada pela extração ilegal de ouro. Ele explica que dois garimpos foram fechados, contudo, os donos não foram encontrados no local.

Em buscas na casa do garimpo, os policiais civis localizaram armas de fogo e diversas munições. O rapaz de 19 anos que estava no local, filho do dono do garimpo, informou desconhecer documentação para exploração da atividade.

Os fiscais da Sema identificaram que o curso de água que passa pela propriedade foi desviado para a atividade de garimpo, situação que foi confirmada pelo rapaz que estava no local.

As investigações da Polícia Civil terão continuidade para identificar o proprietário do garimpo ilegal, que responderá por diversos crimes ambientais, entre eles a extração de recursos minerais sem autorização legal e degradação ambiental. O maquinário e as armas apreendidas passarão por perícia.

Encaminhado à delegacia de Peixoto de Azevedo junto as armas e munições, o jovem de 19 anos foi ouvido pelo delegado José Getúlio e autuado por posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. Ele pagou a fiança arbitrada e foi liberado.

Operação fecha área de extração ilegal de ouro em distrito de Peixoto de Azevedo
Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 13 de Agosto de 2020
10:00
Receita do Dia
Quarta, 12 de Agosto de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)