Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

09/05/2013 16:36

Operação das polícias civis já prendeu 1.179 criminosos em todo o país

Vladimir Platonow, Agência Brasil

Rio de Janeiro – O primeiro balanço parcial nacional da Operação PC27, deflagrada hoje (9) em todo o país, já fez a prisão de 1.179 pessoas, incluindo ações para cumprimento de mandados e de flagrante delito. Também foram apreendidos 14 menores.

A operação foi deliberada pelo Conselho Nacional dos Chefes de Polícia Civil, presidido pela chefe de Polícia do Rio, delegada Martha Rocha, e ocorre simultaneamente em todos os estados do país e no Distrito Federal. Estão participando 4.610 agentes e 535 delegados.

O foco é a repressão ao tráfico de drogas, à venda de produtos piratas e ao roubo de carros, além do cumprimento de mandados de prisão. Até o meio da tarde, haviam sido apreendidas 88 armas, cerca de 9 quilos de maconha, 16 quilos de cocaína e 3 quilos de crack. Foram recuperados 77 veículos roubados.

No Rio de Janeiro, a Operação PC27 foi deflagrada na noite de ontem (8), com apoio de 2,7 mil policiais. Até o início desta tarde, haviam sido registradas no estado 76 prisões em flagrante, com cumprimento de 31 mandados de prisão e a recuperação de 13 veículos roubados, além de apreensão de quantidade não informada de drogas e munição.

Na comunidade do Engenho da Rainha, zona norte da capital, foram apreendidas munições calibres .30 e .50, capazes de derrubar aeronaves e perfurar veículos blindados. No camelódromo de Madureira, também na zona norte, agentes apreenderam centenas de produtos piratas.

Policiais da Delegacia de Defesa dos Serviços Delegados (DDSD) prenderam três pessoas em uma empresa transportadora em Campos Elíseos, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, por fraude de combustíveis.

Em Irajá, na zona norte, um soldado da Aeronáutica foi preso pela Divisão de Capturas da Polinter por envolvimento em um roubo de táxi ocorrido em janeiro deste ano. Na delegacia, ele foi reconhecido pela vítima.

Edição: Davi Oliveira

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)