Cassilândia, Sexta-feira, 18 de Agosto de 2017

Últimas Notícias

07/07/2009 16:38

Operação da PF prendeu 41 por prejuízo de R$ 20 milhões

Edivaldo Bitencourt, Campo Grande News

Coordenador da Operação Owari, o delegado da Polícia Federal Bráulio Galoni, afirmou que a organização criminosa deu prejuízo de aproximadamente R$ 20 milhões aos cofres públicos das prefeituras da região, principalmente, Dourados e Ponta Porã. Durante entrevista coletiva, ele confirmou que 41 pessoas foram presas, sendo que quatro tiveram a prisão preventiva decreta pela Justiça. Ele não divulgou os nomes dos envolvidos no esquema.

De acordo com Galoni, o grupo fraudava licitações em diversas áreas, incluindo-se a área de saúde. Para perpetuar o esquema, que passava de uma administração para outra, o grupo cooptava servidores públicos municipais.

Além de Dourados, segunda maior cidade do Estado, e de Ponta Porã, o quinto maior município, a quadrilha mantinha esquema em outras prefeituras da região, incluindo-se o município de Naviraí. Cerca de 300 policiais federais participaram da operação, que apreendeu veículos, documentos e até dinheiro. A quantia apreendida não foi divulgada.

Nomes – O delegado da PF, que comanda a operação junto com as promotoras de Justiça Cristiane Amaral Cavalcante e Cláudia Loureiro Ocariz Almirão, não confirmou os 41 nomes dos empresários, secretários e vereadores presos na região sul de Mato Grosso do Sul

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 18 de Agosto de 2017
Quinta, 17 de Agosto de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)