Cassilândia, Segunda-feira, 28 de Maio de 2018

Últimas Notícias

18/10/2004 09:00

ONU instala escritório em MS

Contexto Assessoria

A Organização das Nações Unidas (ONU) em parceria com o governo do Estado e o Sebrae/MS instala em Mato Grosso do Sul o primeiro escritório regional no Brasil do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). O PNUD-MS funcionará no Centro de Atendimento Integrado (Ceati) do Sebrae/MS, na Rua Brasil nº 205, em Campo Grande. No total serão instaladas dez unidades em estados como Santa Catarina, Paraíba e Bahia, além da sede nacional que continua a operar em Brasília (DF).

A solenidade de inauguração será realizada no próximo dia 21 de outubro, às 10 horas, no auditório da sede do Sebrae/MS, na Avenida Mato Grosso nº 1.661, e contará com a presença do coordenador-residente da ONU e representante-residente do PNUD no Brasil, Carlos Lopes, da oficial do programa, Julieta Verleun, do governador Zeca do PT, do vice-governador e secretário de Planejamento, Ciência e Tecnologia, Egon Krackekhe, do presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae/MS, Leôncio de Souza Brito Filho, e dos três diretores da entidade: Vagner Simone Martins (superintendente), André Simões (administrativo e financeiro) e Cláudio George Martins (técnico), entre outras autoridades.

O PNUD foi criado pela ONU em 1965, e tem como prerrogativa principal o combate à pobreza. Para atingir essa meta trabalha na busca de soluções aos desafios globais e nacionais na área de desenvolvimento, direcionando suas ações para o cumprimento até 2015 dos oito Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), definidos na Cúpula do Milênio, em Nova York (EUA) em 2000, que são: erradicar a extrema pobreza e a fome, atingir o ensino básico universal, promover a igualdade entre os sexos e a autonomia das mulheres, reduzir a mortalidade infantil, melhorar a saúde materna, combater a AIDS, a malária e outras doenças, garantir a sustentabilidade ambiental e estabelecer uma parceria mundial para o desenvolvimento.

Atualmente o programa está presente em 166 países e no Brasil tornou-se mais conhecido por seu Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), instituído em 1990. Calculado com base na combinação de indicadores de renda familiar, longevidade e educação, o IDH transformou-se, no País, em parâmetro decisivo para os processos de formulação, implementação e avaliação de políticas públicas. Em todo o Brasil, o PNUD participa da execução de cerca de 180 projetos, destacando-se entre as ações já realizadas a participação em 1993, por requisição do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na elaboração do programa de aprimoramento da infra-estrutura eleitoral, que resultou na implantação da urna eletrônica.

O programa também formulou, entre 1989 e 1998, o primeiro projeto nacional para a prevenção e o controle da AIDS, cujo sucesso é reconhecido internacionalmente, e em 1992 elaborou o projeto da Rede Nacional de Pesquisa, que serviu de base para a implantação da internet no Brasil. Também contribuiu para a modernização das secretarias estaduais de fazenda de 22 estados, inclusive de Mato Grosso do Sul, possibilitando uma melhor administração, e por conseqüência, um aumento da arrecadação e diminuição da sonegação.



Escritórios – Em razão dos contrastes do País e dos variados níveis de desenvolvimento humano, com regiões de características e potencialidades distintas, a coordenação do PNUD detectou que o Brasil precisa de uma estratégia global de desenvolvimento, mas de ações com “olhar local” e a partir dessa constatação – que já havia sido levantada no fim do ano passado pelo subsecretário de Articulação da Gestão Governamental de Mato Grosso do Sul, José Carlos Gomes – tomou a decisão de implantar escritórios nos Estados.

Segundo a assistente do PNUD-MS, Vilma dos Santos Ramos, no Estado, o escritório do programa atuará apoiando a execução de projetos, desenvolvimento de pesquisas de interesse do Estado e dos municípios, trabalhando pela mobilização de recursos, articulando parcerias (locais, nacionais e internacionais), introduzindo a Agenda do Milênio com os oito ODM, organizando fóruns para discussão de problemas locais e coletado experiências e êxitos estaduais para difusão nacional e internacional (tecnologia de conhecimentos e de sistemas) e vice-versa, entre outras atividades. Para tanto, contará com uma equipe de oito pessoas, sob o comando da gerente local, Caroline Brito Fernandes.





Mais informações pelos telefones (67) 325-4113 ou (67) 325-4119

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 27 de Maio de 2018
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)