Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

11/01/2006 17:01

Oito municípios gaúchos estão em situação de emergência

Shirley Prestes/ABr

Oito municípios estão em situação de emergência no Rio Grande do Sul, por causa da estiagem que atinge o estado. Hoje (11) a prefeitura de Viadutos, no Alto Uruguai gaúcho, encaminhou o decreto à Defesa Civil, por causa dos dos prejuízos causados pela seca ao município, localizado a 390 quilômetros da capital.

A decisão foi tomada pelo prefeito Eduardo Nichetti, depois de se reunir com representantes da Associação Riograndense de Empreendimentos, Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) e da Secretaria estadual da Agricultura. Segundo Nichetti, as perdas passam de 50% nas lavouras de milho e de feijão, e a pecuária leiteira também sofreu prejuízos. "Por causa da ausência de chuva, os moradores da área rural estão sendo abastecidos há 30 dias por um caminhão-pipa", informou o prefeito.

Na região norte do estado, as perdas com a estiagem chegam a 30% nas lavouras de milho em Aratiba, Marcelino Ramos e Mariano Moro, na divisa com Santa Catarina. Segundo o prefeito de Marcelino Ramos, Paulo Tápia, que decretou segunda-feira (9) situação de emergência no município, a falta de chuva é responsável pela terceira estiagem em três anos na cidade. De acordo com a Defesa Civil, entre os oito municípios que já decretaram emergência, três estão racionando água: Bagé, Candiota e Barra do Rio Azul.

Por causa do forte calor que também castiga o Rio Grande do Sul nos últimos dias, já estão ocorrendo problemas de falta de energia e abastecimento de água em diversos locais do estado. Falta luz em pontos isolados nos municípios de São Borja, na fronteira oeste; Santa Cruz do Sul, na região central; e em Rio Grande, na zona sul.

Em Guaíba, na região metropolitana de Porto Alegre, um transformador queimou, deixando a cidade sem luz e com falta de abastecimento de água. Segundo o superintendente adjunto da Companhia de Saneamento do estado (Corsan), Sérgio Giugno, o problema em 12 das 31 mil residências da rede no município deve ser solucionado ainda hoje.

A Corsan informou que o rompimento de uma adutora que abastece a Estação de Bombeamento de Água no Sistema Alvorada/Viamão causou interrupção no abastecimento de 15 mil residências em bairros dos dois municípios. O abastecimento deverá se normalizar durante a noite. A distribuição de água também está comprometida em Gravataí, onde a demanda superou a reserva da companhia, em função do alto consumo por causa do calor. Na capital gaúcha, falta água em bairros e pontos isolados, devido a problemas na tubulação da cidade.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)