Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/05/2007 09:46

Oficiais de cartório de MS sem concurso serão afastados

rmtonline

O plenário do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu ontem (15) afastar os titulares de cartórios de Mato Grosso do Sul que assumiram a titularidade sem concurso público. Devem ser afastados todos os substitutos que assumiram a titularidade através de atos de delegação depois de 1989.

O Estado deverá realizar concurso público para o preenchimento dessas vagas. Foram desconstituídos pelo CNJ os atos de delegação baseados em lei estadual que permitiram aos substitutos assumirem a titularidade sem concurso público.

"Substitutos assumiam a titularidade plenamente sem concurso público", informou o relator, conselheiro Douglas Alencar.

Segundo o artigo 236 da Constituição Federal, todos os novos cargos de titulares de cartórios deverão ser ocupados através de concurso público. Entretanto, em Mato Grosso do Sul os cargos eram ocupados por substitutos indicados, de acordo com uma lei estadual.

O voto do relator foi ampliado quanto ao tempo em que os atos seriam desconstituídos. No voto, o conselheiro Douglas determinava o afastamento dos titulares em condição ilegal a partir dos últimos cinco anos. Mas a maioria do plenário decidiu que deveriam ser afastados todos os titulares indicados desde 1989, ano que a Constituição entrou em vigor.


Fonte: Redação TV Morena/CNJ

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)