Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

15/03/2006 09:45

Obras da BR-060 darão novo traçado à rodovia

Lourival Macedo/ABr

Quem trafega pela rodovia BR-060 sem prestar muita atenção nas placas de trânsito quase sempre tem uma surpresa desagradável num trecho de 17 quilômetros em Goiás, já nas proximidades da divisa com o Distrito Federal. É o trecho das "Sete Curvas", mais conhecido como curvas da morte, por causa do alto índice de acidentes no local.

Informações da Polícia Rodoviária Federal mostram que 70% das mortes em acidentes na BR-060, acontecem nesse local. A média é de um acidente a cada três dias. Com as obras de duplicação da estrada numa extensão de 150 quilômetros de Brasília a Anápolis, o trecho está sendo modificado, para alívio dos motoristas, passageiros e usuários da rodovia.

No dia 15 de fevereiro, por exemplo, Maria de Campos Baptista, mãe do estudante Marco Antonio Baptista, desaparecido durante a ditadura militar, morreu nas Sete Curvas. Ela voltava para Goiânia depois de ter diso recebida pelo vice-presidente da República e ministro da Defesa, José de Alencar, em audiência no Palácio do Planalto.

Maria Campos veio a Brasília pedir ao vice-presidente mais rapidez nas investigações que estão sendo realizadas para encontrar o filho. O carro em que viajava bateu de frente com outro que vinha na contra-mão. Ela morreu na hora.

O trecho da rodovia terá um novo traçado, que já está em construção. O engenheiro responsável pela supervisão das obras, Eduardo Diniz Costa, disse que as lombadas eletrônicas instaladas nas curvas não acabaram com os acidentes. "Apesar desse trecho ser bastante conhecido da população e principalmente dos usuários da BR-060, ao longo dos últimos anos ele tem sido palco de vários acidentes que ceifaram muitas vidas".

Eduardo Costa disse que por isso o Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit), tomou a iniciativa de fazer um novo traçado da rodovia na região para solucionar, de uma vez, os problemas que vem acontecendo. "Esse número elevado de acidentes deverá desaparecer com o novo traçado nas Sete Curvas".

Segundo o engenheiro, os acidentes acontecem porque a rodovia não passava por grandes reformas desde que foi construída no final da década de 50, quando os carros e caminhões desenvolviam velocidades menores. Com o novo traçado, cujas obras estão em ritmo acelerado, as curvas serão reduzidas para apenas três, com ângulos mais suaves.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)