Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

05/06/2013 16:02

OAB/MS entrega a ministro manifesto contra violência nas disputas de terras

OABMS

Durante a vinda do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, em Mato Grosso do Sul, nessa quarta (5), motivada pelos conflitos indígenas, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), Júlio Cesar Souza Rodrigues, e o vice-presidente da Seccional, André Luis Xavier Machado, entregaram pessoalmente a manifestação representando a posição dos 11 mil advogados sul-mato-grossenses, solicitando maior agilidade na solução dos conflitos agrários no Estado.

“Nos colocamos à disposição para contribuir na busca por uma solução justa, equilibrada e pacífica, para garantir o cumprimento da ordem, a segurança jurídica, da constituição e do estado democrático de direito. Estamos acompanhando e cobrando as autoridades porque nos preocupamos, inclusive, com a integridade física de todos, índios ou não índios, porque somos, acima de tudo, cidadãos brasileiros”, disse Júlio Cesar Souza Rodrigues.

O ministro sinalizou para que a OAB/MS participe, na próxima semana, de reunião no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que irá tratar da demarcação de terras. “A OAB tem papel fundamental nesse debate”, disse Cardoso.

O documento entregue ao ministro registra a nota pública contra violência nas questões agrárias do Estado, divulgado pela OAB/MS, nessa terça-feira (4). Na nota, a OAB/MS relata que tem acompanhado os conflitos e cobra, do governo federal, propostas efetivas e executáveis. A OAB/MS informa, no documento, que já solicitou ao Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, intervenção junto ao Ministério da Justiça e demais órgãos da União.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)