Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

27/04/2007 01:01

OAB/MS é contra redução da maioridade penal, disse Trad

Bruna Girotto

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil de Mato Grosso do Sul (OAB/MS), Fábio Trad, foi entrevistado pelo apresentador e economista, Ido Michels, no programa Sociedade em Foco, da TV Pantanal, da Universidade para o Desenvolvimento do Estado e da Região do Pantanal (Uniderp).

Fábio Trad alertou que se não fosse o Exame da Ordem, existiriam, atualmente, 6 milhões de advogados no Brasil. Esse é o número de bacharéis de Direito do país. Trad destacou que o Brasil possui hoje, cerca de 570 mil advogados.

Segundo o presidente, a OAB/MS fez uma manifestação contra a redução da maioridade penal e a favor da prorrogação do tempo de prisão do adolescente. "A OAB entende que hoje, ainda sem a redução, o sistema penitenciário já não comporta. E esse sistema, ao invés de recuperar, deforma a personalidade de quem ingressa", ressaltou.

Trad salientou que o Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCRIM) publicou uma pesquisa provando que nos Estados Unidos, a taxa de encarceramento subiu 25%, todavia a redução do crime foi apenas de 1%. Para Fábio, há políticos que sabem que a redução da maioridade penal não irá diminuir a violência, mas se utilizam dessa técnica para ganhar votos. "Em curto prazo não há como diminuir a criminalidade no país", disse.

Sobre a redução da maioridade penal, ele salientou: "é melhor não fazer nada, do que fazer mal".

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)