Cassilândia, Quinta-feira, 21 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

08/03/2005 16:20

OAB/MEC concluem novas diretrizes para ensino de Direito

OAB / MS

O grupo composto por membros da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e do Ministério da Educação, que estuda novas diretrizes para o ensino jurídico, realiza às 15h de hoje (08) a última etapa de reuniões antes da conclusão de seus trabalhos. A intenção do grupo é apresentar nos próximos dias ao ministro Tarso Genro (da Educação) o projeto final contendo sugestões e dados sobre a realidade do ensino de Direito no país.

Participam da reunião, pela OAB, o
secretário-geral do Conselho Federal da entidade, Cezar Britto, e os presidente e vice da Comissão Nacional de Ensino Jurídico da OAB, Paulo Roberto Medina e José Geraldo de Sousa Junior, respectivamente. Também integram o grupo: Roberto Fragale, Mário Pederneiras e Alayde Sant'Anna (pelo MEC); André Macedo de Oliveira (pelo Ministério da Justiça) e Roberto Cláudio da Frota Bezerra (pelo Conselho Nacional de Educação). A reunião será realizada na sede do Ministério da Educação.

O grupo da OAB e MEC foi criado em 19 de outubro de 2003 para aprofundar o exame das diretrizes a serem consideradas para a abertura de cursos e fiscalização das instituições de ensino existentes. Estão sendo debatidos também os itens: contexto institucional dos cursos; projeto pedagógico; nível dos professores; instalações e resultados das avaliações oficiais.

O grupo teria, inicialmente, 60 dias para a conclusão dos estudos, mas a apresentação do projeto final contendo novas diretrizes para o ensino jurídico acabou sendo prorrogada em 60 dias na primeira reunião do grupo neste ano, realizada no dia 7 de janeiro.
fonte: CF OAB

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 20 de Setembro de 2017
21:22
Loteria
10:00
Receita do dia
Terça, 19 de Setembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)