Cassilândia, Domingo, 20 de Maio de 2018

Últimas Notícias

12/04/2004 20:18

OAB e CNBB lançam campanha contra a corrupção eleitoral

Agência Brasil

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) lançaram hoje a Campanha Nacional de Combate à Corrupção Eleitoral. Na solenidade, o presidente em exercício da OAB, Aristóteles Atheniense, criticou a utilização de verbas públicas para fins eleitorais, citando notícias segundo as quais deputados e senadores estão se beneficiando de emendas do Orçamento da União para a campanha às eleições municipais deste ano. Atheniense prometeu "um combate sem trégua" da OAB à corrupção eleitoral.

Segundo Atheniense, as informações publicadas pela imprensa são preocupantes e podem ser analisadas pelo Conselho Federal da OAB em sua próxima reunião, marcada para 17 e 18 de maio. Ele disse que a OAB, que coordenará a campanha juntamente com a CNBB, vai cobrar e fiscalizar o cumprimento da Lei 9.840/99, que pune os crimes de corrupção eleitoral. A lei, de iniciativa popular, resultou de um projeto de lei elaborado com base na coleta de mais de um milhão de assinaturas e pune a compra de votos. Atheniense informou que a OAB colocará sua estrutura de mil subseções, em todo o país, para receber e encaminhar denúncias sobre corrupção eleitoral.

Ele ressaltou que a preocupação não se restringe apenas aos que corrompem, mas também aos que são corrompidos. Para ele, as dificuldades sócio-econômicas atuais da população brasileira não devem ser justificativa para a venda do voto. “É mais que oportuno lembrar, na importante quadra política que vivemos, que voto não tem um preço, voto tem conseqüências”, afirmou Atheniense.

Além da CNBB e OAB, dezenas de entidades participaram do lançamento da campanha na sede da OAB, entre elas a Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR), Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Unafisco), Associação de Juízes para a Democracia, Confederação Nacional de Trabalhadores em Educação, Conselho Nacional de Igrejas Cristãs (Conic), CUT do Distrito Federal, Ibase, Inesc e Associação Brasileira de Organizações Não-Governamentais (Abong). Pela CNBB, participaram da solenidade o secretário executivo da Comissão Brasileira Justiça e Paz, Carlos Moura, e o coordenador do Movimento Nacional contra a Corrupção Eleitoral, Francisco Whitaker.

As informações são da OAB.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 20 de Maio de 2018
Sábado, 19 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Sexta, 18 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)