Cassilândia, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

Últimas Notícias

23/11/2004 14:14

OAB apresenta anteprojeto para incentivar plebiscito

Agência Câmara

O presidente da Comissão de Legislação Participativa, deputado André de Paula (PFL-PE), a deputada Luiza Erundina (PSB-SP) e integrantes da Frente Parlamentar dos Advogados recebem hoje, às 17 horas, o presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Roberto Busato.
Ele vai entregar aos deputados o anteprojeto de lei da Campanha Nacional em Defesa da República e da Democracia, que pretende tirar do Congresso Nacional a competência privativa de pedir a realização de plebiscito e referendo para qualquer matéria.
O encontro será na presidência da Comissão (sala 121 do Anexo 2).

O projeto
A proposta a ser entregue pela OAB altera a Lei 9709/98, que regulamenta o artigo 14 da Constituição Federal. O dispositivo trata da realização de plebiscitos, referendos e consultas populares no Brasil.
A iniciativa integra a Campanha Nacional em Defesa da República e da Democracia, que foi lançada no último dia 15 em ato realizado pela OAB no Rio de Janeiro. O movimento, coordenado pelo jurista Fábio Konder Comparato e apoiado por entidades como a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e a Associação Brasileira de Imprensa (ABI), tem o objetivo de incentivar maior participação popular nas decisões de âmbito nacional.

Caráter decisório
Além de regulamentar a realização de plebiscitos, o projeto prevê que esse tipo de consulta popular seja iniciado por decisão de um terço dos integrantes de cada Casa do Congresso Nacional. Para que os plebiscitos tenham caráter decisório e não meramente consultivo, a proposta prevê ainda que os Poderes competentes tomem as providências necessárias à sua implementação, inclusive com a votação de lei ou de emenda à Constituição.
O anteprojeto, segundo o presidente nacional da OAB, deverá tornar-se o embrião de um grande movimento destinado a incentivar a participação popular nos rumos do País.



Da Redação/ RCA


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 21 de Maio de 2018
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Sábado, 19 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)