Cassilândia, Sábado, 25 de Fevereiro de 2017

Últimas Notícias

21/07/2008 15:51

OAB aciona TRE contra "discriminação” de jornais on-line

Aline dos Santos - Campo Grande News

A OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) encaminhou hoje requerimento ao presidente do TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral), Oswaldo Rodrigues de Melo, para que seja modificada a resolução que proibiu a campanha eleitoral nos jornais on-line. “Sem nenhuma justificativa plausível, discriminaram os sites”, enfatiza o presidente da OAB, Fábio Trad.

A internet foi equiparada à rádio e TV, que são concessões públicas, portanto os veículos estão proibidos de “veicular propaganda política ou difundir opinião favorável ou contrária a candidato, partido político ou coligações”. Já os jornais impressos, podem divulgar propaganda eleitoral. “Jornais impresso e on-line são privados. Não faz sentido proibir para um e liberar para outro”, argumenta Trad. A televisão e o rádio recebem compensação fiscal para divulgarem o horário eleitoral gratuito.

A mudança na portaria 386 do TRE, divulgada na última sexta-feira, será avaliada pelo Pleno do Tribunal. O pedido de regulamentação, feito por meio da Comissão de Fiscalização Eleitoral da OAB, sugere o tamanho para o banner de propaganda eleitoral, além de valor de multas similar às aplicadas aos jornais impressos, que vão de mil reais a R$ 10 mil. Não há prazo para o TRE avaliar o requerimento.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 25 de Fevereiro de 2017
10:00
Receita do dia
07:30
Loterias
Sexta, 24 de Fevereiro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)