Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/05/2016 14:00

O que é impotência sexual ou disfunção erétil?

Abc Med

Impotência sexual, atualmente chamada disfunção erétil, é a incapacidade de manter ereto o pênis pelo tempo necessário para manter uma relação sexual satisfatória. Ela não deve ser confundida com a falta de interesse sexual e com a dificuldade de ejaculação ou de atingir o orgasmo.

Embora seja mais comum em homens mais velhos, pode ocorrer em qualquer idade. É comum que haja dificuldades esporádicas e transitórias de ereção que não caracterizam impotência e não devem ser motivos de preocupação porque, assim, esporadicamente, acontece a muitos homens.

Como ocorre a ereção?

O pênis é formado por três estruturas que lembram cilindros. Dois deles esponjosos, denominados corpos cavernosos, e um outro cilindro denominado corpo esponjoso, onde passa a uretra (canal onde sai a urina). Durante a excitação sexual, impulsos nervosos relaxam a musculatura do pênis e fazem aumentar o fluxo sanguíneo para os corpos cavernosos, aumentando seu tamanho e tornando-os retesados. Desse modo, os corpos cavernosos fazem aumentar o tamanho do pênis produzindo, ao mesmo tempo, um enrijecimento do órgão. Após a ejaculação ou quando cessa a excitação sexual, o sangue é novamente drenado para fora do tecido esponjoso e o pênis volta ao seu tamanho e forma originais.

Quais são as causas da disfunção erétil?

Causas físicas

Cirurgias no intestino grosso, reto ou próstata e aplicações de radioterapia na área pélvica podem danificar os nervos e os vasos sanguíneos penianos e causar problemas de disfunção erétil.

A arteriosclerose, o derrame cerebral, o fumo, a hipertensão arterial, problemas cardíacos e colesterol elevado são fatores que afetam a entrada e a saída do fluxo de sangue do pênis.

Problemas neurológicos: lesão da medula espinhal, esclerose múltipla e degeneração dos nervos, derivados do diabetes mellitus ou do excesso de álcool.

O diabetes pode causar lesão dos nervos e dos vasos sanguíneos que levam o fluxo sanguíneo ao pênis, dificultando ou mesmo impedindo a ereção.

Certas doenças crônicas podem levar a transtornos da ereção. Consulte o seu médico e pergunte-lhe se, no seu caso, esse problema pode afetar a sua saúde sexual.

Níveis baixos de alguns hormônios também podem causar dificuldades de ereção.

Alguns medicamentos geram efeitos secundários que podem resultar em impotência. Pergunte ao seu médico se isso pode acontecer em seu caso e quais as possíveis alternativas para solucionar o(s) problema(s). De modo geral esses efeitos são reversíveis com a interrupção da medicação ou com a diminuição das doses.

Causas psicológicas

Acredita-se que a incidência de causas psicológicas se dê apenas em 10% dos casos. É fato que o estado psíquico desempenha um papel fundamental na ereção peniana. A disfunção de causa psicológica geralmente deve-se a nervosismo, ansiedade ou medo de falhar durante a relação sexual. Estes fatores produzem uma descarga de adrenalina que causa diminuição do fluxo sanguíneo no pênis, provocando dificuldade na ereção. Outros fatores psicológicos são consequentes à depressão, à ansiedade, ao stress e à fadiga.

Como é feito o diagnóstico?

O diagnóstico de disfunção erétil é eminentemente clínico. Deve-se investigar a história clínica do paciente em busca de alguma doença ou uso de medicamento que possam estar levando ou contribuindo para a dificuldade de ereção. Contudo, alguns exames e testes laboratoriais podem ajudar nessa investigação. O estado psicológico do paciente e sua reação ao problema também devem ser investigados.

Como é o tratamento?

O tratamento da disfunção erétil tem progredido muito nos últimos anos. Para casos bem definidos existem atualmente opções terapêuticas que vão desde o uso de medicamentos, dispositivos mecânicos e cirurgias, escolhidas de acordo com as causas e a natureza do problema.

No caso de causas eminentemente psicológicas está indicada uma psicoterapia.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)