Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

21/10/2007 18:03

O que diz o site do São Paulo sobre a vitória do SP

Marcelo Martuscelli

O São Paulo soube ser eficiente e, diante de um grande público no estádio do Morumbi, deu mais um grande passo rumo ao pentacampeonato nacional. Com um gol de Jorge Wagner, aos 24min do segundo tempo, o Tricolor venceu o Cruzeiro por 1 a 0 e abriu 13 pontos para os principais rivais na tabela de classificação. E, dependendo dos resultados da próxima rodada, o título já poderá ser garantido matematicamente por antecipação.



O jogo



Sem Borges, machucado e Aloísio, suspenso, o São Paulo entrou em campo sem a chamada referência. Muricy Ramalho escalou o time no 3-5-2, com Leandro e Dagoberto no ataque. O segredo seria a movimentação de todo o time. Mas, na prática, isso não funcionou nos primeiros 45 minutos.

Isso porque, ao contrário do que normalmente faz, o Tricolor começou o jogo de maneira cadenciada, estudando o adversário, que necessitava buscar o ataque por estar bem atrás na tabela. Na defesa, a coisa funcionava bem, mas o meio-campo não tinha a rapidez necessária para assustar o goleiro Fábio. Jorge Wagner no meio, era bem marcado, enquanto que os alas Souza e Júnior também não tinham espaço para poder atacar.

O primeiro chute a gol surgiu aos 5min, com Jorge Wagner, que bateu rasteiro, à esquerda do gol de Fábio. Depois disso, o jogo ficou muito concentrado no meio-campo. Muricy Ramalho pedia para o time abrir o jogo pelas pontas, mas a coisa não funcionava. O Cruzeiro, nos contra-ataques, assustou aos 37min, com Leandro Domingues, que recebeu dentro da área e bateu por cima do gol rival. Três minutos depois, o mesmo jogador invadiu a área pela direita, driblou Rogério Ceni e bateu. Breno, antes da linha do gol, afastou o perigo com o pé esquerdo.

Antes do apito de Sérgio da Silva Carvalho para o intervalo, o São Paulo teve uma boa chance em jogada de bola parada. Rogério Ceni cobrou falta na entrada da área, pelo lado esquerdo, e a bola raspou a trave direita de Fábio.

Na etapa complementar, o São Paulo voltou com a mesma formação e Muricy Ramalho insistiu novamente para que o time jogasse pelas pontas para tentar abrir a marcação cruzeirense. O time recomeçou a partida mais ligado e, aos três minutos, chegou com perigo pela primeira vez, em chute de Breno, que desviou na zaga adversária e saiu pela linha de fundo. Cinco minutos depois, após jogada de Dagoberto, Júnior bateu e Fábio defendeu.

Aos 23min, Muricy Ramalho resolveu dar novo gás para o ataque, colocando Diego Tardelli na vaga de Souza. E o atacante mostrou que tem estrela. No seu primeiro lance na partida, ele avançou pela esquerda, passou por Léo Fortunato e cruzou rasteiro, na medida, para Jorge Wagner, que bateu de pé esquerdo, no canto esquerdo de Fábio, que tocou na bola antes dela morrer no fundo do gol. O Morumbi explodiu de felicidade.

E o time queria mais. O Cruzeiro, desesperado, foi para o ataque e o São Paulo começou a jogar da maneira como mais gosta, no contra-ataque. Aos 30min, Jorge Wagner cobrou falta pela direita e Alex Silva, de cabeça, exigiu grande defesa de Fábio. Três minutos depois, Diego Tardelli avançou pela direita e tocou para Dagoberto, que passou por Thiago Heleno e bateu firme. Fábio, mais uma vez, salvou a equipe do Cruzeiro.

Nos minutos finais, o comandante tricolor resolveu fortalecer o sistema de marcação. Primeiro, sacou Leandro para colocar o volante Fernando. Depois, tirou Dagoberto, que cedeu lugar a André Dias. E a torcida só esperou o apito final para comemorar bastante. Mais de sessenta mil vozes saíram do estádio com a certeza de que o título é apenas questão de tempo.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)