Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

23/01/2008 06:50

O destaque do Cassilândianews no dia 23/01/2007

Cassilandense chega da Bélgica
Terça-feira, 23 de Janeiro de 2007 12:56
Bruna Girotto

A cassilandense Rosângela Rodrigues dos Santos acaba de chegar de Genappe, na Bélgica, onde trabalhou 1 ano e 1 mês como empregada doméstica, babá e alimentando cavalos, que faziam shows de exibições. Sua cidade tinha aproximadamente 3 mil habitantes, mas havia tudo que existe numa cidade grande brasileira. Ela visitou a Rádio Patriarca, no programa Rotativa no Ar, nesta terça-feira (23) e contou suas experiências na Bélgica.

Quando Rosângela queria se divertir, ela viajava 30km até Bruxelas, para dançar em boates. Segundo ela, na Bélgica os alimentos são mais caros que no Brasil. Um quilo de carne, por exemplo, custa 15 euros (aproximadamente R$45 reais). Os hábitos alimentares dos belgas são bem diferentes, segundo a entrevistada. De manhã, eles tomam chá com torrada e geléia; no almoço, ela tinha como referência a casa que trabalhava, e sua patroa, como não tinha tempo, por causa do serviço, se alimentava de torrada e chá também. Contudo, Rosângela, comprava arroz, feijão e carne (que ela disse não ter gosto algum), e cozinhava pra ela e para a criança que cuidava. No jantar, a família comia massas, como lasanha, macarronada e pizza. Ela informou que a população belga se alimenta muito de fast-food, e que na família que ficou, raramente viu uma salada.

Rosângela disse que muitos brasileiros estão na Bélgica atrás de emprego, e conheceu, inclusive, muitas pessoas de Paranaíba/MS. Ela disse também, que a visão que tinham do Brasil era totalmente distorcida. Quando descobriram que ela era do Mato Grosso do Sul, achavam que vivia cercada de onça e mato. Ela disse que entende esta visão distorcida, já que dentre as poucas matérias que viu sobre o Brasil, na TV Belga, só viu favelas, pobreza, samba, futebol e violência.

Ela aprendeu a falar e escrever francês, uma das línguas oficias da Bélgica. Ela recebia em torno de R$3.000,00 reais, e o aluguel de um pequeno apartamento custa, aproximadamente, R$1.800,00 reais. Acha que quem não mora na casa do patrão, como foi o seu caso, não consegue economizar nada. Segundo ela, o brasileiro não precisa sair do Brasil para ganhar dinheiro, basta trabalhar o tanto que se trabalha, como quando vai para o exterior.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)