Cassilândia, Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2018

Últimas Notícias

10/02/2018 06:12

O clima esquentou em Corumbá, mas também teve alegria, segundo site

Nyelder Rodrigues, Campo Grande News

A derrota para o Corumbaense no estádio Arthur Marinho na quarta-feira (7) em duelo válido pela Copa do Brasil fez com que, além de perder R$ 600 mil por não passar de fase, o ASA de Arapiraca (AL) perdesse o treinador após confusão ocorrida ainda no vestiário, em Corumbá.

O placar de 1 a 0 para o time sul-mato-grossense rendeu, por enquanto, a soma de R$ 1,1 milhão em premiação da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) - são R$ 500 mil só por jogar a primeira fase. A eliminação pesou nas costas do time alagoano, gerando problemas para a equipe.


De acordo com informações do Globo Esporte alagoano, divulgadas nesta noite de sexta-feira (9), o então treinador do time, Luiz Paulo, bateu no diretor de futebol Elias Mansur.


"Eu o agredi. Eu tirei ele do vestiário, não queria ele comigo, não", assume o treinador, completando. "Agredi o gerente de futebol, que não me respeitou durante esses 60 dias. Eu o agredi com socos. Desferi alguns socos, ele saiu do vestiário e acabou", frisa Luiz Paulo.


A confusão não foi registrada pelo árbitro da partida na súmula. Chegando em Alagoas, Luiz Paulo pediu demissão da equipe, que além do Estadual local, disputará a Série D do Brasileiro este ano.


Já do lado do Corumbaense, o gol de falta aos 43 minutos do segundo tempo, marcado por Elivélton, garantiu o bom clima no vestiário e a ampliação do orçamento para o time neste ano. A entrada dos R$ 600 mil nos cofres do clube foi comemorado, inclusive em vídeo que rodou pelo WhatsApp, por Eduardo Arroz e companheiros.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 22 de Fevereiro de 2018
10:00
Receita do dia
Quarta, 21 de Fevereiro de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)