Cassilândia, Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2018

Últimas Notícias

09/02/2018 14:00

O caminho para a meia maratona: aposte nos 16k

Redação

Não pular etapas nas provas e planejar uma evolução degrau por degrau estão entre as principais maneiras de evitar lesões, frustrações e o desinteresse pela corrida. Embora aumentar as distâncias seja algo desafiador, é preciso ter parcimônia na hora de estabelecer novas metas. Um dos erros mais constantes é ir dos 10k para a meia maratona sem o cuidado necessário, ignorando os 11k que separam os dois percursos e fazendo com que as chances de “quebra” sejam maiores. Um bom teste para quem está no caminho para a meia maratona é disputar uma prova de 16k, trecho que permite que o atleta progrida sem sofrimento para a almejada distância.

O ciclo dos 16k é a porta de entrada para um regime mais intenso e disciplinado de treinos. Na preparação para uma meia maratona, sessões com variações de velocidade, os fartleks, e os intervalados, caracterizados pela alta intensidade, passam a fazer parte da rotina. Com o aumento das rodagens, cresce a importância de fazer o fortalecimento muscular e seguir uma planilha.

“Provas de 15k e 16k são, sem dúvidas, ideais para quem está na transição dos 10k para a meia maratona. É bem mais próximo ir dos 16k para os 21k. Ir direto dos 10k para os 21k é mais complicado, já que o corredor pode sofrer mais para completar o percurso. O ideal é simular uma situação de prova”, diz o treinador Nelson Evencio, dono de uma assessoria esportiva que leva o seu nome, em São Paulo (SP).

Uma das opções para quem está interessado na distância é a prova 10 Milhas, agendada para o dia 6 de maio, na USP. Outra alternativa é a São Silvestre, com seus 15 km pelas ruas de Sampa.

“É uma distância não muito comum no Brasil. Não temos essa cultura. Nos Estados Unidos, há campeonato dos 10k, 15k, 20k. Aqui, focamos muito nos 10k, distância com a maior quantidade de provas”, conta Evencio.

Atenção ao gel de carboidrato
É raro ver um corredor consumir sachê de gel de carboidrato nos 10k. No entanto, nos 16k, a ingestão do suplemento passa a ser uma necessidade. Os nutricionistas recomendam a utilização antes de completar 60 minutos ininterruptos de corrida. Como a chance de rodar por cerca de 90 minutos é grande, não se esqueça do seu gel.

A importância de traçar uma estratégia
Nas provas de 16k, o corredor já deve traçar uma estratégia de prova. Uma das mais eficientes foi usada durante anos por Émerson Iser Bem, vencedor da edição de 1997 da São Silvestre. O plano consistia em dividir a prova em três partes, que não precisam ser iguais.

O terço inicial serve, segundo ele, para “sentir a prova”. Depois, já mais ambientado, vem o trecho intermediário. “Se o corredor está mal, não há muito o que fazer. Se está bem, deve estar atento para não exagerar no ritmo e comprometer a reta final”, diz. A parte final requer uma dosagem que nem sempre os corredores de primeira viagem têm. “É preciso ter muita experiência para terminar a prova em um ritmo tão forte a ponto de não sobrar energia. Passar pela linha de chegada com uma reserva de energia é um desperdício”, sugere. Na dúvida, não queime seu estoque de energia e priorize terminar os 16k sem grandes incômodos.

Planilha rumo aos 16k
A treinadora Luiza Fellippa Marques preparou esta planilha de seis semanas para quem quer sair dos 10 km e correr uma prova de 16 km.

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 22 de Fevereiro de 2018
10:00
Receita do dia
Quarta, 21 de Fevereiro de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)