Cassilândia, Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018

Últimas Notícias

09/02/2018 10:20

Número de mortes por febre amarela sobe no estado do Rio

Agência Brasil

De acordo com o informe epidemiológico divulgado nesta quinta-feira (8) pela Subsecretaria de Vigilância em Saúde da Secretaria Estadual de Saúde, foram registrados 55 casos de febre amarela silvestre em humanos desde o início deste ano, em 17 municípios.

O município de Valença, no centro-sul do estado, apresenta o maior número de casos (16) e de óbitos (6), até o momento. Seguem-se Teresópolis, com sete registros e quatro mortes, e Nova Friburgo, com e seis casos e três mortes por febre amarela.

Foram confirmados pela subsecretaria casos de febre amarela em macacos nos municípios de Niterói, na região metropolitana do Rio; Angra dos Reis, na Costa Verde; Barra Mansa e Valença,no sul do estado; e Miguel Pereira, na região centro-sul.

A Secretaria de Estado de Saúde ressaltou que os macacos não transmitem febre amarela. A doença é transmitida por picada de mosquitos. A secretaria recomenda aos cidadãos que, se encontrarem macacos mortos ou doentes, com comportamento anormal, estejam afastados do grupo ou com movimentos lentos, informem o fato o mais depressa possível às secretarias de Saúde do município ou do estado.

Segundo a secretaria, as pessoas que ainda não se vacinaram devem buscar um posto de saúde próximo de casa para serem imunizadas.

O boletim da SES leva em consideração o Local de Provável Infecção (LPI).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 20 de Agosto de 2018
Domingo, 19 de Agosto de 2018
09:00
Santo do dia
Sábado, 18 de Agosto de 2018
09:00
Santo do dia
Sexta, 17 de Agosto de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)