Cassilândia, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

Últimas Notícias

07/10/2004 14:24

Novo Projeto Rondon terá edital ainda em outubro

Comunicação/MEC

O novo Projeto Rondon, que deverá ser implantado ainda este ano, pretende aumentar a participação dos jovens universitários no desenvolvimento do País, além de levá-los ao conhecimento da realidade brasileira. O edital convocando as instituições que desejam participar da iniciativa será publicado este mês. As universidades interessadas deverão apresentar seus projetos em novembro.


A proposta de reativação do Projeto Rondon partiu da União Nacional dos Estudantes (UNE) que, em novembro de 2003, enviou uma carta ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva com a sugestão. Para isso, foi criado em março deste ano um grupo de trabalho interministerial, composto por representantes dos ministérios da Educação (Secretaria de Educação Superior); do Desenvolvimento Social e Combate à Fome; da Integração Nacional; e da Defesa, que irá coordenar o novo projeto.


O grupo de trabalho definiu algumas metas para a nova fase do Projeto Rondon. Seu objetivo principal é utilizar as habilidades universitárias para contribuir com o desenvolvimento sustentável nas comunidades carentes, estimular a busca de soluções para os problemas sociais – ajudando na formulação de políticas públicas locais –, e cooperar para a formação acadêmica do estudante que terá maior conhecimento da realidade brasileira e estímulo para exercer sua responsabilidade social e patriotismo.


Atividades – Serão desenvolvidas, inicialmente, atividades no município de São Gabriel da Cachoeira e, em seguida, em outros municípios do Estado do Amazonas. O projeto deverá se estender também ao Nordeste e contará com três tipos de operação: a nacional, que deslocará universitários nas férias escolares para outras regiões; a regional, que será realizada nas periferias próximas aos campi; e a especial, que terá ajuda das entidades públicas e privadas na realização de atividades específicas.


A participação das instituições de ensino é fundamental para o andamento do projeto. “As universidades vão assegurar uma linha acadêmica ao projeto”, afirmou o professor Jorge Gregory, coordenador-geral de Orientação e Controle da Educação Superior e membro do grupo de trabalho. De acordo com Gregory, a participação permite mobilidade estudantil e propicia ao estudante vivenciar outra realidade.


A partir de janeiro de 2005, o Projeto Rondon será contado como crédito nas grades curriculares das instituições de ensino superior.


Repórter: Jalila Arabi, estagiária da SESu – Elaina Daher, jornalista responsável

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 21 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)