Cassilândia, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

Últimas Notícias

01/06/2006 17:45

Novo pedido de CPI contra fraudes na saúde

Marcos Chagas/ABr

As lideranças do PV, PPS e Psol protocolaram na Secretaria Geral do Senado o novo pedido de abertura da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) para investigar a possível participação de deputados e senadores na compra superfaturada de ambulâncias por meio de emendas ao Orçamento Geral da União. O requerimento foi apresentado pelos deputados Fernando Gabeira (PV-RJ), Raul Jungmann (PPS-PE) e pela senadora Heloísa Helena (Psol-AL).

O novo requerimento para abertura foi exigido pelo presidente do Senado, Renan Calheiros, na terça-feira. Durante a sessão, Renan alegou que o pedido não obdece as normas regimentais ao classificar as assinaturas como "apoiadores" e não como "signatários". No dia, os partidos ameaçam entrar com mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) para garantir a comissão, como aconteceu anteriormente com a CPI dos Bingos.

O pedido apresentado hoje (01) possui a assinatura de 230 deputados federais e 30 senadores. Pelo regimento do Congresso, o mínimo de assinaturas necessárias para conseguir uma CPI é de 171 deputados e 27 senadores. Segundo o deputado Raul Jungmann (PPS-PE), agora que não há nenhum entrave regimental, o presidente do Senado precisaria instalar a CPI até quinta-feira (08). Caso contrário, os partidos ingressaram com o pedido no Supremo. "Se até quinta-feira não acontecer a leitura da CPI, o mandado de segurança será inevitável", disse o deputado.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 23 de Junho de 2017
Quinta, 22 de Junho de 2017
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)