Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/08/2012 12:40

Novas regras para motoboys são adiadas e vão entrar em vigor apenas em 2013

Agência do Rádio

Os motoboys e mototaxistas de todo o Brasil têm até fevereiro de 2013 para fazer o curso de qualificação e utilização de equipamentos de segurança. A lei entraria em vigor no último dia quatro. A decisão do Conselho Nacional de Trânsito, o Contran, foi tomada na última semana, para dar mais tempo para a capacitação desses profissionais. Para a coordenadora geral de Qualificação do Valor Humano no Trânsito do Denatran, Maria Cristina Hoffmann, ainda há falta de cursos para suportar a demanda.

Coordenadora geral de qualificação do valor humano no trânsito do Denatran, Maria Cristina Hoffmann

\\\"Os Detrans e as entidades que deveriam ter ministrado o curso em todo o Brasil não ofereceram a demanda necessária. Esse curso ele deveria ter sido disponibilizado pelo Detran e pelas entidades por eles credenciadas para isso e não houve uma oferta de curso que atendesse a demanda. Nós temos hoje quase um milhão de motofretistas no Brasil e não houve oferta de curso suficiente.\\\"

O presidente do Sindicato dos motoboys do Rio Grande do Norte, José Barreto de Melo, afirma que as auto-escolas ainda não estão preparadas para capacitar os profissionais. Ele destaca que o adiamento da lei vai ajudar os motoboys e mototaxistas a se adequar às regras.


\\\"A auto-escola que vai fornecer o curso tinha que comprar as motocicletas. Então, a gente sabe que em todo o País tem essa dificuldade. Esse período até fevereiro foi ótimo porque dá tempo para a gente se qualificar. A gente achou bom também porque a gente vai colocando os equipamentos de segurança na motocicleta.\\\"

De acordo com a lei que vai entrar em vigor em fevereiro de 2013, para exercer a profissão de motoboy ou mototaxista, o motociclista deve, além de fazer o curso, ter idade mínima de 21 anos, carteira de motorista na categoria A com vencimento de no mínimo dois anos. A moto deve ser branca. Os profissionais devem andar com capacetes refletivos, proteção para motor e pernas e coletes luminosos. Os custos com os equipamentos de segurança podem variar de 192 a 268 reais.

Reportagem, Rodrigo Nunes


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)