Cassilândia, Sábado, 26 de Setembro de 2020

Últimas Notícias

12/08/2003 10:28

Notícias do Pan

Agência Brasil

O Brasil ganhou três medalhas de ouro, duas de prata e sete de bronze no décimo dia de competição dos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo. O judô brasileiro teve ontem outro dia de muita festa, com a conquista de mais duas medalhas de ouro e uma de bronze. A meio-pesado Ednanci Silva (-78kg) e o pesado Mário Sabino (-100kg) tornaram-se campeões pan-americanos ao derrotar a cubana Yurisel Laborde e o canadense Nicolas Gill. Já o médio Carlos Honorato (-90kg) ficou com o bronze ao superar na decisão o argentino Diego Rossati.

Uma das medalhas mais sofridas do Pan foi conquistada pela seleção brasileira masculina de handebol, que precisou de duas prorrogações para derrotar a arqui-rival Argentina por 31 a 30. Com o adversário entalado na garganta, os brasileiros comemoraram também a vaga para disputar a Olimpíada de Atenas, no ano que vem.

No pentatlo moderno, a americana naturalizada brasileira Samantha Harvey ganhou a medalha de prata ao somar 5.256 pontos depois das competições de tiro, esgrima, hipismo, natação e corrida. O resultado deu ao Brasil também uma vaga no esporte para a Olimpíada da Grécia (foi a melhor sul-americana e atingiu o índice mínimo de 4.800 pontos).

A natação brasileira conseguiu quatro medalhas no primeiro dia de competição, uma de prata e três de bronze. O revezamento 4 x 200m livre, formado por Monique Ferreira, Mariana Brochado, Ana Carolina Muniz e Paula Baracho, ganhou a medalha de prata, com o tempo de 8min10s54, novo recorde-sul-americano e índice para a Olimpíada de Atenas.

Nos 100m peito, Eduardo Fischer ficou com o bronze, com novo recorde sul-americano (1min01s92) e índice olímpico. Caçula da delegação, Joanna Maranhão terminou em terceiro lugar nos 400m medley, com 4min46s38, também índice para a Grécia. Outro bronze e índice foram obtidos por Rodrigo Castro, nos 200m livre, com 1min49s55. Na única prova sem medalha, Flávia Delaroli terminou em quarto lugar nos 100m livre, com 56s41.

O futebol feminino brasileiro comemorou bastante a classificação para a disputa da medalha de ouro. O time dirigido por Paulo Gonçalves derrotou a Argentina por 2 a 1 na semifinal disputada no Estádio Olímpico. O adversário da final, marcada para quarta-feira, será o Canadá, que derrotou o México na outra semifinal por 3 a 2.

O karatê teve um ótimo dia no pavilhão de lutas no Centro Olímpico. Jurandir Andrade e Cíntia Lassálvia, que são casados há 7 anos, conquistaram a medalha de bronze no katá. No kumitê, Lucélia de Carvalho, Nélson Luiz Bittencourt e Emmanuel Santana se classificaram para as semifinais desta terça-feira. Todos já garantiram ao menos a medalha de bronze.

Ronivaldo Conceição obteve outro bronze para o Brasil, no squash. Ele foi derrotado na semifinal pelo canadense Shahier Razik por 3 a 0 (parciais 9/1, 9/2 e 9/5), conquistando a primeira medalha da modalidade em Santo Domingo.

No ciclismo, o melhor resultado do dia foi obtido por Murilo Fischer e Rosane Kirsh na prova contra relógio. Os dois terminaram em sexto lugar na especialidade, disputada no Mirador del Sul. Márcio May foi sétimo no masculino e janildes Fernandes terminou em oitavo no feminino.

O tênis de mesa teve outro bom dia no Pan. Thiago Monteiro, Gustavo Tsuboi, Hugo Hoyama, Lígia Silva e Mariany Nonaka continuam na chave de simples do torneio, O único eliminado nesta segunda-feira foi Bruno dos Anjos, medalha de prata nas duplas, que perdeu para o cubano Juan Salamanca por 4 sets a 3.

No hóquei em linha, o Brasil perdeu na estréia para o Canadá por 17 a 2, pela manhã, e venceu à noite o México por 7 a 4.

O badminton se despediu nesta segunda-feira do Pan. O paulista Guilherme Pardo, que era a maior esperança da equipe, acabou eliminado nas quartas-de-final do torneio individual pelo canadense Kyle Hunter por 2 a 1. As duplas masculinas e mistas também ficaram nas quartas-de-final.

O beisebol também se despediu do Pan. A seleção brasileira derrotou o Panamá por 3 a 2, no Estádio Tetelo Vargas, conquistando o quinto lugar no torneio.

Na vela, a segunda-feira também foi de medalhas. Robert Scheidt (laser), Ricardo Winick (mistral), Bruno Amorim e Dante Bianchi (snipe) receberam suas medalhas de ouro, enquanto Daniel Santiago, Maurício Santa Cruz, João Carlos Jordão e Alan Adler (J24) ganharam a prata em cerimônia realizada na praia de Boca Chica.

No boxe, Washington Silva, meio-pesado (-81kg), Joílson Gomes (-75kg) e Raphael Zumbano (+ 91kg) foram eliminados do Pan ao perderem suas lutas ontem.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 25 de Setembro de 2020
Quinta, 24 de Setembro de 2020
14:18
Luto
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)