Cassilândia, Terça-feira, 17 de Setembro de 2019

Últimas Notícias

16/08/2019 10:40

No setor privado estadual, 156 mil atuam sem carteira assinada

Campo Grande News

Mesmo empregados, 156 mil sul-mato-grossenses atuam na iniciativa privada sem carteira assinada. Foi o que mostrou o levantamento do Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) Contínua, do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), divulgado nesta quinta-feira. O setor emprega um total de 633 mil trabalhadores no Estado.Tem garantida os benefícios da CLT (Consolidação das Lei Trabalhistas), 476 mil (75,2%) dos empregados do setor. Os percentuais se mantiveram estáveis em relação ao trimestre anterior e ao mesmo trimestre de 2018.

O documento é obrigatório para qualquer um que venha prestar algum tipo de serviço do País. A carteira de trabalho é um dos únicos registros a reproduzir, esclarecer e comprovar dados sobre a vida funcional do trabalhador.

No meses de abril, maio e junho deste anos, o rendimento médio real habitual das pessoas ocupadas em todos os setores, foi estimado em R$ 2.323. Este resultado apresentou estabilidade tanto em relação ao trimestre imediatamente anterior (R$2.403), quanto em relação ao mesmo trimestre do ano anterior (R$ 2.307).

Subutilização - Também no Estado, durante o segundo trimestre de 2019, a taxa composta de subutilização da força de trabalho (percentual de pessoas desocupadas, subocupadas por insuficiência de horas trabalhadas e na força de trabalho potencial em relação a força de trabalho ampliada) foi de 17,0%, o que representa 261 mil pessoas.

Piauí (43,3%), Maranhão (41,0%) e Bahia (40,1%) apresentaram as maiores taxas, e as menores foram em Santa Catarina (10,7%), Rondônia (15,7%) e Mato Grosso (15,8%).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 17 de Setembro de 2019
09:00
Santo do Dia
Segunda, 16 de Setembro de 2019
Domingo, 15 de Setembro de 2019
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)