Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

28/06/2011 07:27

Municípios já podem aderir ao programa que pretende dar fim ao sedentarismo

Agência do Rádio

Os municípios brasileiros já podem aderir ao Programa Academia da Saúde. Por meio de duas portarias, o Ministério da Saúde definiu a liberação de até 180 mil reais para a construção de espaços para o desenvolvimento de atividades físicas, lazer e de práticas de vida saudável. Uma das delas prevê ainda o repasse de 36 mil reais, por ano, para o custeio desses locais. Nestes espaços, a população vai contar com equipamentos de ginástica e com a orientação de um profissional vinculado a um Núcleo de Apoio à Saúde da Família. É o que explica o diretor do Departamento de Atenção Básica do Ministério da Saúde, Heider Pinto.


\"Para cada polo, o Núcleo de Apoio à Saúde da Família vai ter que ter mais um profissional cadastrado. Mas, embora esse profissional seja responsável pelo polo, ele não é o único profissional que vai intervir no polo. Toda a equipe da Saúde da Família da Unidade Básica próxima ao polo, além do Núcleo de Apoio à Saúde da Família vinculada ao polo, eles têm que estar atuando no polo da Academia da Saúde. Então o enfermeiro vai lá; em algumas atividades o médico pode ir, para poder fazer orientação; o nutricionista, para poder orientar práticas alimentares saudáveis; o fisioterapeuta, para poder orientar sobre a postura.\"

A implantação desses espaços faz parte da estratégia do Governo Federal para a promoção da saúde e prevenção de doenças crônicas, como diabetes e hipertensão. A Organização Mundial de Saúde recomenda a prática de 30 minutos de atividade física por dia, pelo menos cinco vezes na semana. No entanto, de acordo com o último Vigitel, no Brasil mais de 16 por cento dos adultos são fisicamente inativos. Para a coordenadora de Vigilância de Doenças e Agravos Não Transmissíveis do Ministério da Saúde, Débora Malta, o Programa Academia da Saúde pode ajudar mudar esse quadro.

\"Na medida em que o Ministério da Saúde proporciona a expansão do Academia da Saúde, essa é uma forma de nós estarmos difundindo hábitos saudáveis para a população, estimulando para que a população pratique atividade física, tenha acesso a espaços saudáveis e, com isso, nós poderemos buscar então uma saída no sentido da redução das doenças crônicas, da obesidade, na melhoria da qualidade de vida como um todo.\"

A meta do Ministério da Saúde é de implantar quatro mil polos da Academia da Saúde até o final de 2014. As cidades que quiserem fazer parte do programa devem acessar o site: www.saude.gov.br/academiadasaude.

Reportagem, Alexandre Souza


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)