Cassilândia, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

08/09/2006 08:21

Mundial: Brasil soma 13 medalhas

CPB

Trabalho árduo, dedicação e uma boa dose de sorte. Com esses ingredientes os atletas brasileiros terminaram mais um dia de competições no Mundial Paraolímpico de Atletismo, em Assen, na Holanda. Roseane dos Santos, a Rosinha, e Zezé Alves conquistaram as duas medalhas brasileiras do dia. Dois bronzes: no arremesso de peso da categoría F58, para cadeirantes, e nos 200 metros T12, para atletas com baixa visão.

Rosinha, que já tinha conquistado uma medalha de prata no lançamento de disco, faz planos para as próximas competições. “Eu encerro minha participação aqui com duas medalhas, de prata e bronze, mas que pra mim valem ouro porque além delas eu conquistei a vaga para o meu país. Agora a meta é emagrecer para chegar ao Parapan ou quebrando recorde mundial ou bem perto da marca, eu quero garantir a minha vaga para Pequim”, disse Rosinha.

Em poucos segundos Zezé Alves experimentou sensações opostas na final dos 200 metros rasos. Zezé completou a prova em 13s26, atrás das três outras adversárias: a ucraniana Oxana Boturchuk, 12s40, da búlgara Volha Zincevich, 12s83, e da inglesa Elisabeth Clegg, desclassificada após o término da prova. O guia de Elisabeth passou antes da atleta na linha de chegada, invalidando o resultado. “Eu estou muito feliz. Foi tudo inesperado, uma surpresa maravilhosa. Na minha cabeça conquistar a vaga para as finais dos 100m já tinha sido uma vitória muito grande. Eu estava lesionada, competindo no esforço mesmo. Essa medalha tem sabor de ouro, é a medalla da superação e da sorte também. Fiz meu trabalho com dedicação e acabei tendo sorte”, comemorou Zezé.

Odair Santos travou mais um duelo com o espanhol Abel Ávila na semifinal dos 1500 metros T12. O brasileiro ficou a apenas 2 décimos do adversário, com a marca de 4m10s73 e garantiu a vaga para a final no sábado. Terezinha Guilhermina fez o melhor tempo nas eliminatórias dos 200 metros rasos para cegas: 26s33. A atleta também disputou os 400 metros hoje e avançou para as semifinais. “Consegui a classificação, são mais duas chances para o Brasil. Quero dar o meu melhor pra chegar às finais e vencer”, afirmou Teresinha.

O Brasil conquistou até agora 13 medalhas, uma de ouro, seis de prata e seis de bronze, e 15 vagas para a próxima paraolimpíada, com o quarto lugar de Suely Guimarães no lançamento de disco, de Emicarlo Souza nos 400m, de Edson Pinheiro nos 100m, de Vanderson Alves no arremesso de peso e de Moisés Vicente Neto na última prova do dia: os 5000m para atletas com comprometimento de membro superior. Apesar de as 13 medalhas e os cinco quartos lugares somarem 18, existem duas medalhas repetidas de Rosinha e Delfino, que não contam, além da prova de revezamento na qual o Brasil foi bronze, mas também não é computada para vagas em Pequim.

O Mundial de Atletismo Paraolímpico vai até domingo. Até lá o Brasil ainda tem outras chances de medalha e, conseqüentemente, ampliar sua participação na Paraolimpíada de Pequim, em 2008.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 11 de Dezembro de 2016
06:04
Fotogaleria
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)