Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/08/2004 08:09

Multas para queimadas são quentes

Rede Rural

A intesificação das queimadas, acidentais ou propositais, se repete nesta época do ano em todo o País. As proximidades de estradas costumam ser o início de boa parte desses incêndios. Além disso, ações de muitos agricultores e pecuaristas terminam por facilitar propagação do fogo por vastas áreas.

Caso a fiscalização ambiental consiga provar a responsabilidade de alguém num evento dessa natureza, a multa que a pessoa a ser paga certamente será pesada. Se, por exemplo, o criador resolveu queimar um pasto para aproveitar a rebrota do capim, a multa chega a R$ 1 mil por hectare, importância em alguns casos maior que o próprio valor da terra.

Mas a situação se complica mesmo para quem dá início a queimadas em áreas de proteção ambiental. Nesse caso, a punição do Ibama pode chegar a R$50 mil por hectare.

As queimadas enfraquecem o solo a longo prazo, removendo a camada de matéria orgânica que se acumula na superfície. O pasto rebrota logo após o fogo porque uma parte desses nutrientes permanece nas cinzas que repousam sobre o solo, mas a camada natural fica comprometida. Outros problemas da prática são a contaminação de nascentes, a possibilidade de perda de espécies vegetais frágeis que não tornam a brotar depois da queima e intoxicação da fauna local pela fumaça – além do risco de acidentes que fumaça ainda pode provocar quando chega ao asfalto.

As multas são de R$ 1 mil por hectare, podendo chegar a R$ 50 mil em áreas de proteção ambiental.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)