Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

06/01/2011 13:30

Mulheres sofrem agressão sexual em acampamentos no Haiti

BBC Brasil

As mulheres que vivem nos acampamentos improvisados no Haiti enfrentam um risco cada vez maior de estupro e violência sexual, segundo relatório divulgado hoje (6) pela Anistia Internacional. A entidade informou que, nos últimos cinco meses, foram registrados mais de 250 casos de estupro. Pelo menos 50 mulheres vítimas de violência sexual relataram detalhes sobre a agressão sofrida.

As vítimas são ameaçadas por homens armados que rondam os acampamentos à noite. Mais de 1 milhão de pessoas ainda vivem em condições precárias em acampamentos na capital Porto Príncipe e no Sul do Haiti, após o terremoto que matou 230 mil e deixou 300 mil feridos,
em janeiro de 2010.

Para o pesquisador da Anistia Internacional no Haiti Gerardo Ducos, o governo do país caribenho não dá a atenção devida às denúncias das vítimas de violência sexual. \"As mulheres, que já precisam lidar com a perda de parentes e amigos e que tiveram suas casas destruídas no terremoto, agora enfrentam também o trauma de viver sob a constante ameaça de ataques sexuais\", disse.

O policiamento dos acampamentos é escasso e muitas vítimas de estupro dizem ter ouvido dos policiais que eles nada podem fazer sobre os ataques. \"Mulheres e meninas se sentem abandonadas e vulneráveis. Gangues armadas atacam quando querem porque os bandidos se sentem seguros, já que há pouca chance de que sejam punidos\", disse Ducos.

Susie, uma das mulheres ouvidas pela Anistia Internacional, contou que ela e uma amiga foram vendadas e estupradas na frente dos filhos, na madrugada do dia 8 de maio de 2010. \"Depois que eles saíram, eu não consegui fazer nada, não tive reação alguma. Mulheres vítimas de estupro devem ir para o hospital. Mas eu não fui porque não tinha dinheiro e não sei onde há uma clínica que ofereça tratamento\", disse.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)