Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

06/06/2006 06:29

Mulheres bissexuais e lésbicas terão cartilha

Mylena Fiori/ABr

Uma cartilha com dicas de saúde para lésbicas e mulheres bissexuais será lançada pelo Ministério da Saúde na próxima semana, durante as atividades da 10ª Parada do Orgulho de Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transgêneros de São Paulo, nos dias 15 a 17.

A iniciativa foi motivada pela baixa procura, por parte dessa população, por consultas ginecológicas e serviços do Sistema Único de Saúde (SUS). Deve-se também à constatação, pelo ministério, de que o tratamento da sexualidade de lésbicas e bissexuais recebe abordagem inadequada dos profissionais de saúde.

Segundo Daphne Rattner, técnica da área da Saúde da Mulher do ministério, o diagnóstico foi feito após reunião, em 2004, com representantes de grupos de lésbicas de diversas regiões do país. "Uma das queixas era a de que as mulheres não procuram os serviços de saúde porque se sentem pouco à vontade. Por outro lado, os profissionais não estão preparados para lidar com a especificidade da mulher lésbica", informou. E acrescentou: "Os profissionais muitas vezes perguntam apenas se a mulher é casada. Se for solteira, não perguntam se exerce a sexualidade e perdem uma oportunidade de fazer as orientações que talvez fossem necessárias".

O despreparo no atendimento desse público pelo SUS foi constatado pela assistente social Gláucia Elaine de Almeida, em tese de doutorado elaborada no Instituto de Medicina Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj). "Quando elas encontram atendimento no SUS, não recebem as orientações preventivas adequadas e, às vezes, também não recebem assistência médica mais completa que considere a importância das práticas desenvolvidas e da cultura sexual dessas mulheres", afirmou.

Na avaliação da assistente social, o fato de o SUS não trabalhar a orientação sexual como uma variável importante no atendimento inibe a possibilidade de as mulheres lésbicas e bissexuais discutirem suas práticas sexuais – inclusive a possibilidade de "negociação" de sexo seguro com a parceira. "Sem espaço para discutir essas práticas, elas se tornam mais vulneráveis que as mulheres heterossexuais", destacou.

Essa é uma das questões abordadas na cartilha Chegou a Hora de Cuidar da Saúde. Entre outras dicas, a publicação aconselha: "Quando procurar um profissional de saúde, não tenha medo de falar sobre seus desejos e práticas sexuais".

A cartilha foi elaborada pela Área Técnica da Saúde da Mulher, em parceria com o Programa Nacional de Hepatites Virais e o Programa Nacional de DST/Aids, do Ministério da Saúde, por representantes de movimentos sociais e por especialistas do meio acadêmico.

Organizações não-governamentais vinculadas à Liga Brasileira de Lésbicas, à Articulação Brasileira de Lésbicas e a outras entidades que trabalhem com lésbicas e mulheres bissexuais distribuirão os 10 mil exemplares da publicação.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)