Cassilândia, Domingo, 27 de Maio de 2018

Últimas Notícias

19/12/2010 11:38

Mulher acusa homem de obrigá-la a usar crack

Ricardo Campo Jr.

Uma mulher de 27 anos procurou a Polícia após ter sido medicada no Hospital de Naviraí para acusar um homem de 31 anos de a ter sequestrado e mantido em cativeiro durante a noite de ontem (18), além de tê-la obrigado a fumar crack.

De acordo com o registro da ocorrência, a mulher relatou que por volta das 23h30 estava sentada em frente de casa, na avenida Pantanal, quando o suspeito chegou ao local com o carro. Ela relatou à Polícia que o homem disse que a levaria no lugar do tio, segurando-a pelo braço em seguida e levando até a casa dele.

A mulher contou aos policiais que foi mantida em cativeiro durante toda a noite. Nesse período, segundo contou, o suspeito entregou a ela um celular e pediu que entrasse em contato com o tio dela, tomando o aparelho antes que ela completasse a ligação.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima disse ainda que o homem a obrigou a fumar entorpecente, descrito no registro como crack, durante toda a noite. Pela manhã, segundo relatos da mulher, o suspeito mandou que ela fosse embora.

A mulher disse ter ligado para um conhecido que a levou ao hospital, pois estava com mal estar por causa da droga. No local foi constatado, segundo relatos da vítima, que a pressão dela estava alta. Após ser medicada foi até a delegacia.

A vítima relatou ainda que o suspeito teve um desentendimento com o tio dela por causa de uma mulher, que já foi casada e teve uma filha com o parente da vítima.

No entanto, o homem foi chamado até a delegacia e negou que tivesse sequestrado a vítima. Ele disse, ainda, que foi ela quem entrou em contato com ele e em seguida se encontraram para fumar a droga.

O caso foi registrado como seqüestro e cárcere privado.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 27 de Maio de 2018
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)