Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

26/06/2008 14:04

Mudança no fuso horário de 3 estados anima bancada de MS

Na última terça-feira passou a valer nos estados do Acre e em parte do Amazonas o novo horário que reduz de duas para uma hora a diferença em relação ao horário de Brasília. A alteração animou parlamentares sul-mato-grossenses que pedem mudanças por aqui.

A lei, sancionada pelo presidente Lula em abril deste ano, também deixa o estado do Pará com o mesmo horário da capital federal.

A proposta do senador Tião Viana (PT-AC) foi aprovada no senado em 24 de abril e até ser sancionada pelo presidente foram apenas dois meses.

Para o Estado de Mato Grosso do Sul, uma lei parecida foi apresentada pelo senador Delcídio (PT-MS). Nesse momento a proposta está nas mãos da Comissão de Constituição e Justiça.



A assessoria de imprensa do senador, afirma que a aprovação de projetos como esse, e como os que já estão valendo no norte do País, seriam parte integrante de um projeto maior: a intenção é deixar todo o Brasil com um único horário, o de Brasília.

A justificativa é de que este modelo de horário unificado já é bastante comum na Europa, que tem apenas um horário na maioria dos seus países.
Plano B - Outro senador, Valter Pereira (PMDB-MS), também apresentou proposta sobre o fuso horário do Estado, que está nas mãos da Comissão de Constituição e Justiça.

A idéia e por um plebiscito já inserido como pergunta nas próximas eleições, onde votariam somente os eleitores do Estado. No momento da votação para prefeito e vereadores o eleitor teria de responder a mais uma pergunta: se concorda ou não com a mudança no fuso.

Caso ocorra a consulta popular, Pereira deve votar a favor da mudança. Ele considera a defasagem cronológica em relação ao Distrito Federal geradora de impactos negativos no setor produtivo.

Entretanto afirma que só uma consulta popular pode respaldar uma alteração. “Não é admissível adotá-la pela vontade exclusiva do legislador” disse o senador.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)