Cassilândia, Segunda-feira, 23 de Julho de 2018

Últimas Notícias

11/12/2017 13:00

MS vai terminar 2017 com a gasolina mais cara da história, mostra pesquisa

Campo Grande News

Mato Grosso do Sul vai fechar 2017 com a gasolina mais cara de sua história. O preço médio do combustível está em R$ 4,023, o maior valor de toda série da pesquisa da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), iniciada em 2001. O ritmo de aumento do custo da gasolina é quatro vezes mais acelerado que o avanço da inflação.

Na comparação com a média de dezembro do ano passado, de R$ 3,615, o preço do litro da gasolina disparou 11,28%. A variação é significativa em época de inflação com índices modestos. O IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) de Campo Grande, acumulado em 12 meses, é de 2,67%, conforme divulgou na sexta-feira (dia 8) o IBGE (Instituto Brasileiro e Geografia e Estatística).

Em toda série histórica da ANP, não há mês com média acima do patamar dos R$ 4. A pesquisa teve início em 2001. Em dezembro daquele ano, o produto custava a média R$ 1,84 em Mato Grosso do Sul. Na época, com menos de R$ 100 (precisamente, R$ 92), o condutor podia encher um tanque de 50 litros. Hoje, terá de desembolsar mais de R$ 200 (R$ 201,15) para comprar o mesmo volume de combustível.

A disparada do preço da gasolina no Estado impactou o resultado do IPCA de novembro. A variação relativa ao preço do combustível foi 13,58% em um ano. Esse índice ficou abaixo apenas aos de Brasília (18,59%) e de Goiânia (14,61%).

Com a contribuição da gasolina, o transporte (7,52%) apresentou a maior alta em Campo Grande entre os grupos inflacionários. O município também teve, no geral, o quarto maior índice inflacionário, de 0,50%, entre as capitais.

A variação foi superada apenas pelos resultados de Goiânia (0,96%), São Paulo (0,58%) e Porto Alegre (0,55%).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 23 de Julho de 2018
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do dia
Domingo, 22 de Julho de 2018
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do dia
Sábado, 21 de Julho de 2018
10:00
Receita do dia
Sexta, 20 de Julho de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)