Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

08/05/2004 14:54

MS: Sai aumento de 10% para os servidores do Judiciário

TJ/MS

O Presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, Des. Rubens Bergonzi Bossay, autorizou, na última quinta-feira (6), às 14 horas, um aumento salarial de 10%, retroativo a 1º de maio de 2004, para melhorar os vencimentos e subsídios dos funcionários ativos e inativos do Poder Judiciário deste Estado.
O aumento incide sobre a folha de pagamento do mês de maio, que será depositado no mês de junho, para os 2.864 funcionários.
O índice de 10% mantém o Poder Judiciário dentro da margem prudente estabelecida pela Lei de Responsabilidade Fiscal, que obriga os Poderes a não ultrapassarem, com pagamento de pessoal, os 6% da arrecadação líquida do Estado.
O novo valor, com os encargos, representa um aumento de 546 mil reais/mês na folha de pagamento do Judiciário.
A administração do Des. Rubens Bergonzi Bossay primeiramente realinhou e reenquadrou a folha de pagamento dos servidores, medidas que, além de simplificarem a folha, corrigiram distorções e representaram um aumento médio de 13,46%, que, somados aos 10%, aplicado agora em maio, importam em aumento médio de 23,46% no montante da folha de pagamento do Poder Judiciário.
Entretanto, a proposição, por depender de lei, será encaminhada ao Pleno e, uma vez aprovada, será enviada à Assembléia Legislativa do Estado.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)