Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

10/12/2008 13:13

MS obtém 47,21% de acordos na Semana da Conciliação

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul atingiu a média de 47,21% de acordos nas audiências realizadas em Primeira Instância na Semana da Conciliação, realizada na última semana em todo o país.

Segundo relatórios do Serviço de Estatística da Corregedoria, no período de 1º a 5 de dezembro, 5.574 audiências foram realizadas nos Fóruns e Juizados de Estado, e o percentual de acordos homologados ficou em 45,01% nas audiências cíveis e 64,50% nas criminais. Das audiências criminais, 311 resultaram em sentença homologatória de transação penal e 96 em composição dos danos civis. Já na Segunda Instância foram atendidas 595 pessoas, e realizadas 277 audiências, com obtenção de acordo em 25 delas, totalizando o valor de R$ 345.108,40.

A soma total dos valores resultantes dos acordos homologados atingiu a cifra de R$ 13.136.036,21 (treze milhões, cento e trinta e seis mil, trinta e seis reais e vinte e um centavos). Durante a última semana, foram atendidas 14.155 pessoas em MS, e realizadas 224 palestras, com o objetivo de esclarecer e chamar a atenção da população para a importância de conciliar.

A Semana Nacional da Conciliação atende o objetivo de criar uma nova mentalidade voltada à pacificação social, por meio do acordo entre as partes, o que favorece também a celeridade processual.

No Estado foram mobilizados 646 colaboradores, sendo 106 magistrados, 75 juízes leigos e 121 conciliadores, coordenados pelos juízes José Eduardo Neder Meneghelli e Fernando Paes de Campos, e pelos desembargadores Vladimir Abreu da Silva e Tânia Garcia de Freitas Borges.

Neste ano todas as comarcas foram convocadas a participar do evento, e todos os juizados especiais cíveis, com a inclusão de alguns criminais. A novidade do Movimento pela Conciliação deste ano em Mato Grosso do Sul foi a participação do Juizado Especial Central.

O relatório final será enviado amanhã pela Corregedoria, que é o prazo determinado pelo CNJ.

Autoria do Texto: Departamento de Comunicação

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)