Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/02/2007 16:26

MS já tem 986 casos notificados de dengue em fevereiro

Sandra Luz / Campo Grande News

As notificações de casos suspeitos de dengue já são 6,87% maiores que o quadro divulgado ontem pela SES (Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul) referente aos primeiros 31 dias de janeiro. Até agora, o Estado tem 15.335 casos suspeitos da doença, 986 notificações referem-se ao dia 1º de fevereiro.

Dos casos registrados, 10.956 estão em Campo Grande, cidade que, segundo o prefeito Nelson Trad Filho (PMDB), sempre será incomodada pela dengue. Na Capital, fevereiro já tem 655 notificações um quadro total que representa 32,83% dos casos registrados em todo o Estado.

Segundo a assessoria de imprensa da SES, uma pessoa já morreu em Aquidauana por conta da dengue hemorrágica, uma das formas letais da doença. Houve, ainda uma morte em Laguna Caarapã e outros casos de dengue hemorrágica foram registrados em Dourados (quatro), além de Anastácio, Terenos e Itaporã.

A Secretaria de Saúde de Três Lagoas está estudando a suspeita de uma morte pela doença, a vítima, um menino de 12 anos que chegou receber atendimento no domingo, dia 28 de janeiro, mas morreu após uma parada cardíaca. A criança foi atendida com suspeita de dengue, mas o resultado oficial da causa da morte só será divulgado na próxima semana, após estudos de laudos do menino. Três Lagoas já tem 204 casos notificados de dengue. Durante todo o mês de janeiro de 2006 foram 15 notificações.

A situação é crítica também em Aquidauana, cujo volume de notificações cresceu 465 vezes, passando de duas em janeiro de 2006 para as atuais 672. Em Dourados, o volume evoluiu de 46 nos primeiros 31 dias do ano passado para 437. Também foi apontado crescimento em Jardim, de três para 312 e Miranda, que passou de seis notificações para 250.

Enquanto os números crescem diariamente, as condições para a proliferação da doença continuam. Conforme o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), chuvas moderadas a fortes atingem todo Mato Grosso do Sul até amanhã.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)