Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/02/2006 07:13

MS: Estado vai receber vacinas contra rotavírus

Agência do Rádio

A partir de março deste ano, as crianças brasileiras com menos de um ano vão ter proteção contra um dos principais causadores da diarréia: o rotavírus. A vacina vai ser incluída no calendário básico de vacinação. De acordo com o Ministério da Saúde, não será necessário promover uma campanha de mobilização, como acontece com as gotinhas, usadas na prevenção da paralisia infantil. A vacina contra o rotavírus vai ser aplicada nos postos de saúde em todos os municípios de Mato Grosso do Sul, de forma rotineira. A diarréia é uma doença grave quando atinge crianças com menos de cinco anos de idade. Como ficam desidratadas, podem morrer, se não forem tratadas a tempo.

Segundo a diretora do departamento de programas estratégicos, Cristina Boaretto: A partir de março deste ano, as crianças brasileiras com menos de um ano vão ter proteção contra um dos principais causadores da diarréia: o rotavírus. A vacina vai ser incluída no calendário básico de vacinação. De acordo com o Ministério da Saúde, não será necessário promover uma campanha de mobilização, como acontece com as gotinhas, usadas na prevenção da paralisia infantil. A vacina contra o rotavírus vai ser aplicada nos postos de saúde em todos os municípios de Mato Grosso do Sul, de forma rotineira. A diarréia é uma doença grave quando atinge crianças com menos de cinco anos de idade. Como ficam desidratadas, podem morrer, se não forem tratadas a tempo.

TEC/SONORA: Diretora do departamento de programas estratégicos, Cristina Boaretto, "O Sistema Único de Saúde interna 300 mil crianças menores de cinco anos por ano por causa de diarréia, desidratação. Desses 300 mil, 90 mil são provocados pelo rotavírus. E o rotavírus é um vírus que causa uma infecção, uma diarréia grave, que pode levar até à morte das crianças. Por isso o Ministério da Saúde tomou a decisão de ampliar o calendário de imunizações e introduzir a vacina contra o rotavírus. A vacina tem uma boa eficácia, ela é aplicada de gotinhas e a população que for levar a criança para dar as primeiras doses a vacina no primeiro ano antes dos seis meses de idade ela já vai, a partir de março, também estar tomando essa vacina junto com as outras vacinas".

O rotavírus causa cerca de 30% das diarréias graves em crianças de até cinco anos de idade. Estima-se que a vacinação das crianças vai reduzir em até 42% as internações hospitalares por diarréia. Cerca de 8 milhõ es de doses já foram adquiridas pelo Ministério da Saúde.

De Brasília, Pablo Mundim


"O Sistema Único de Saúde interna 300 mil crianças menores de cinco anos por ano por causa de diarréia, desidratação. Desses 300 mil, 90 mil são provocados pelo rotavírus. E o rotavírus é um vírus que causa uma infecção, uma diarréia grave, que pode levar até à morte das crianças. Por isso o Ministério da Saúde tomou a decisão de ampliar o calendário de imunizações e introduzir a vacina contra o rotavírus. A vacina tem uma boa eficácia, ela é aplicada de gotinhas e a população que for levar a criança para dar as primeiras doses a vacina no primeiro ano antes dos seis meses de idade ela já vai, a partir de março, também estar tomando essa vacina junto com as outras vacinas".

LOC/REPÓRTER: O rotavírus causa cerca de 30% das diarréias graves em crianças de até cinco anos de idade. Estima-se que a vacinação das crianças vai reduzir em até 42% as internações hospitalares por diarréia. Cerca de 8 milhõ es de doses já foram adquiridas pelo Ministério da Saúde.

De Brasília, Pablo Mundim

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)