Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

22/05/2008 01:24

MS e outros 11 estados tentam recuperar status sanitário

TV Morena

Carne de MS pode reconquistar mercado europeuAssista ao VídeoMato Grosso do Sul e outras 11 unidades da Federação vão pedir o restabelecimento do status de área livre de febre aftosa com vacinação, na 76ª Reunião Ordinária da Organização Mundial de Saúde Animal (OMSA), que acontece entre os dias 25 e 30 de maio, em Paris. A decisão é fundamental para que o País volte a exportar carne para a União Européia.

Representante do estado na comitiva brasileira, o presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV/MS), Osmar Bastos, disse que “O governo federal está mandando delegados à reunião e todos os estados interessados podem mandar representantes. O objetivo da reunião é que a OMSA avalie os casos de febre aftosa no Brasil”.

Bastos disse ainda que é imprevisível o resultado do pedido porque, apesar de ter conseguido eliminar a doença, o cenário nacional é instável aos olhos dos europeus. “Nós temos que resgatar a qualidade e a credibilidade de nosso serviço de vigilância sanitária. Os europeus têm receio porque aparece um foco da doença a cada dois anos na América do Sul, seja no Brasil, na Argentina ou no Uruguai”.

Outra preocupação é com a reserva de mercado, já que os irlandeses estão fazendo lobby para vender sua produção na União Européia. Na opinião do presidente do Conselho, porém, a concorrência não amedronta. “A importação do rebanho brasileiro incomoda. Diante da produção nacional a irlandesa é insignificante, não interfere. Mas é importante recuperarmos o mercado europeu porque é um mercado diferenciado e referencial para outros”, avaliou.

Além de Mato Grosso do Sul, integram a comitiva brasileira representantes do Distrito Federal, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)