Cassilândia, Sábado, 25 de Novembro de 2017

Últimas Notícias

18/10/2006 09:37

MS é o 3º no País em número de promotores por habitante

Fernanda Mathias - Campo Grande News

Pesquisa sobre o Ministério Público Estadual realizada pelo Ministério da Justiça e divulgada nesta terça-feira mostra Mato Grosso do Sul com o terceiro maior número de promotores de Justiça por habitantes do País. São 6,41 promotores a cada 100 mil habitantes, número inferior apenas ao do Amapá (8,77) e Tocantins (7,44).

O crescimento do número de promotores por habitantes registrado no Estado de 2003 para 2004 foi de 13,05%, o sexto maior do País. O Estado tem preenchidos 82% dos cargos de promotor de Justiça existentes, contra uma média nacional de 76%.

Por outro lado Estado tem 52 membros inativos no Ministério Público a cada 100 que estão na ativa, o segundo maior índice do País. O Estado tem apenas 168 membros na ativa e 79 inativos, não chegam a ser dois na ativa para cada que está inativo.

A pesquisa também revela aumento, em um ano, de 25,9% das despesas executadas pelo Ministério Público em Mato Grosso do Sul, que passaram de R$ 62,7 milhões a R$ 79 milhões. O aumento de despesas foi o terceiro maior registrado no País. Gastou 1,3% de tudo com informatização, incide acima da média nacional, de 1,2%, embora não seja dos maiores. O valor médio da despesa do MP por habitante no Estado foi de R$ 35,42, quase o dobro da média nacional: R$ 19,80.

Computando somente os gastos e investimentos na estrutura física e aparelhamento da instituição foram R$ 0,83 por habitante, ainda assim o dobro da média nacional. Os salários dos promotores e procuradores em Mato Grosso do Sul estão entre os maiores do País, oscilando de R$17 a R$ 21 mil. Mais recentemente foi retomado o pagamento do auxílio-moradia de 20% sobre o vencimento. No Judiciário o gasto por habitante apurado em 2004 foi de R$ 83,04.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 25 de Novembro de 2017
Sexta, 24 de Novembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 23 de Novembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)