Cassilândia, Sexta-feira, 26 de Fevereiro de 2021

Últimas Notícias

16/02/2021 17:00

MS é o 2º estado do país com maior incidência de síndrome respiratória por Covid

O Estado possui a terceira maior taxa de mortalidade da doença entre todas as federações brasileiras

Midiamax
MS é o 2º estado do país com maior incidência de síndrome respiratória por Covid

Em 2021, Mato Grosso do Sul registrou a segunda maior incidência de SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave) por Covid-19 do Brasil. Foram 27,51 casos para cada 100 mil habitantes sul-mato-grossenses.

O Estado só ficou atrás do Amazonas, com 65,02 casos para a mesma proporção de moradores. Os dados foram divulgados no último boletim epidemiológico da Covid-19, elaborado pelo Ministério da Saúde. São considerados casos até a quarta semana epidemiológica de 2021.

Então, até a quarta semana, foram registrados 773 casos de SRAG por coronavírus em MS. De acordo com os dados do Ministério, o estado possui quase o dobro de incidência do que o Centro-Oeste. Na região são 15,64 casos para cada 100 mil habitantes.

Enquanto no Centro-Oeste a doença é 2,53% letal, a mortalidade em casos de SRAG por coronavírus em MS chegam a 4,7%. O índice é o terceiro maior do país, sendo superado por Amazonas (35,27%) e Roraima (8,87%).

Entenda a SRAG e a Covid-19
De acordo com o Ministério da Saúde, SRAG é a evolução da SG (Síndrome Gripal). Assim, para se enquadrar no caso é preciso que a pessoa sinta ao menos dois destes sintomas: desconforto respiratório, pressão persistente no tórax, saturação de oxigênio menor que 95% em ar ambiente, coloração azulada dos lábios ou do rosto.

No boletim são considerados casos de Srag por coronavírus. Ou seja, casos que foram agravados pelo vírus que causou a pandemia mundial. Então, sobre a relação entre a Srag e a Covid-19, a pasta informa que para ser cadastrado no Sivep-Gripe (Sistema de Informação de Vigilância da Gripe), é necessário que o paciente tenha sido internado ou tenha falecido.

Por fim, os casos podem ser confirmados como de coronavírus por: critério clínico, quando a pessoa teve disfunção do olfato ou paladar; critério clínico-epidemiológico, quando houve contato próximo com pessoas infectadas por Covid-19; ou por critério clínico-imagem, quando não foi confirmado por critério laboratorial e a tomografia apresentou anomalias.

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 26 de Fevereiro de 2021
Quinta, 25 de Fevereiro de 2021
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)