Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

30/03/2005 16:13

MS e MT discutem adoção de normais similares para pesca

Corumbaonline

O secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, José Elias Moreira e o superintendente estadual de Pesca, Thomas Lipparelli, participam nos dias 13 e 14 de abril, em Cuiabá (MT), de um encontro do Grupo Técnico Tripartite (GTT) para discutir a harmonização das leis de pesca entre os dois Estados e a União. O principal item da pauta será a inclusão de Mato Grosso nas ações do Centro de Monitoramento de Recursos Pesqueiros objetivando um controle mais eficaz da pesca e dos recursos pesqueiros.

O GTT é formado por autoridades ambientais de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Hídricos) e o Centro de Monitoramento de Recursos Pesqueiros reúne informações e serviços técnicos da Sema, Ibama, Polícia Militar Ambiental, Instituto Pantanal e universidades.

Outro importante tema a ser discutido é a redução da cota de peixes que os pescadores amadores podem levar para casa. Há dois anos Mato Grosso do Sul mantém a cota em 10 quilos por pessoa, mais um exemplar. Em 2004 deveria ter sido reduzida para cinco quilos, observou Thomas Lipparelli, mas não foi possível a Mato Grosso adotar a norma, portanto continuou vigorando a cota do ano anterior. “Vamos tentar convencer as autoridades de Mato Grosso a zerar a cota a partir desse ano, liberando ao pescador amador apenas um exemplar de peixe”, revelou.

Nesse encontro do GTT será apresentado relatório das atividades do último quadrimestre. A reunião anterior aconteceu em Campo Grande, no mês de setembro. A pauta completa do evento deve ser divulgada na próxima semana.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)