Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/02/2004 15:27

MS descarta redução da alíquota do ICMS sobre o diesel

Sandra Luz /Campo Grande News

O governo de Mato Grosso do Sul não deve reduzir a alíquota de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) que incide sobre o óleo diesel, atualmente em 17%. Em nota distribuída á imprensa, o secretário de Estado de Receita e Controle, José Ricardo Cabral, afirmou que a redução não é possível porque representaria queda de R$ 6,5 milhões na receita do Estado. Por exigência da LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal), essa receita deveria ser compensada por outras fontes, o que poderia gerar aumento da carga tributária em outros segmentos.
A redução da alíquota sobre o diesel está sendo defendida pelo Sinpetro (Sindicato do Comercio Varejista e Lojas de Conveniência) que alega falta de competitividade nos postos das divisas com São Paulo, Paraná e Minas Gerais, onde o recolhimento é de 12%. O secretário afirmou ainda que a Reforma Tributária deve uniformizar as alíquotas, o que pode ajudar na questão. “Pode ser que seja fixado 12% para todo o país, como pode ser mantida a alíquota de 17%, de qualquer forma haverá uma só para todos. Neste caso, ainda que haja redução, perderemos receita, mas não cairemos numa ilegalidade. Por isso, estamos convictos de que nossa postura é coerente”, afirmou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)