Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

11/05/2016 08:30

MS deixou de contratar quase 12 mil trabalhadores no final de 2015

Campo Grande News

Mato Grosso do Sul contratou 11.546 trabalhadores a menos nos últimos três meses de 2015, comparado ao terceiro trimestre do mesmo ano, quando o número de empregados chegou a 60.690. A queda em relação ao quarto trimestre de 2014, soma 26%.

Os dados foram divulgados hoje pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), em relatório sobre Mercado de Trabalho. O número de admissões no Estado no fim do ano passado é o menor do últimos quatro anos.

De acordo com o Ipea, entre outubro e dezembro de 2015, foram demitidos 58.404 trabalhadores em Mato Grosso do Sul. Tal número é o menor da série histórica dividia em trimestres. Isso, porque as contratações também foram menores no período.

Em comparação com o número de desligamentos no fim de 2014, por exemplo, as demissões do ano passado caíram 26,5%. Porém, os dois anos foram atípicos. Muitas contratações e desligamentos em 2014 e poucas admissões e demissões no ano passado.

Região - O levantamento também mostra que a região Centro-Oeste tinha 7,9 bilhões de pessoas trabalhando em regime formal e informal, no último trimestre de 2015. Do total, 7,353 possuem carteira de trabalho assinada.

A pesquisa ainda detalha que o Centro-Oeste é a segunda região que melhor paga seus trabalhadores, tendo a média salarial de R$ 2.114,77. Sudeste é a região que ocupa a primeira colocação, pagando aproximadamente R$ 2.182,65 ao funcionário.

País - A pesquisa mostrou que houve um aumento na taxa de desemprego de 1,7% dos três últimos meses de 2014 em relação ao primeiro trimestre de 2015, e subiu de 6,8% para 8,5%.

Se confortarmos o grau de escolaridade, o índice de desemprego para quem tem o fundamental incompleto aumentou em 38,20% nesse mesmo período, passando de 5,7% para 7,9%. Em termos percentuais, o Nordeste ficou em primeiro lugar com 51,30%, e o Centro-Oeste ocupou a segunda posição com 39,10%.

Do último trimestre de 2014 para os três primeiros meses de 2015, houve o fechamento de1,625 milhão de postos de trabalho formal, números bem próximo ao que havia sido gerado nos três anos anteriores.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)